Associação dos Profissionais de Propaganda comemora 82 anos

A Associação dos Profissionais de Propaganda (APP), entidade que apoia e estimula as atividades relacionadas à formação e aperfeiçoamento do profissional de comunicação, comemora 82 anos de atividade no domingo, dia 29 de setembro.

Fundada em 1937, a APP nasceu para dar voz às necessidades publicitárias e do profissional de propaganda. Desde então oferece sua colaboração para o mercado publicitário com cursos, palestras, workshops, festivais, serviços e representatividade ativa na Secretaria de Comunicação.

Foi a APP, em 1945, que estruturou e lançou o primeiro Curso de Propaganda do Brasil, que anos depois serviu como estímulo para a fundação da Escola Superior de Propaganda, hoje conhecida como ESPM. Compondo um dos principais legados da associação, a contribuição para o surgimento de outras entidades, a APP foi onde também iniciaram as atividades do CENP (Conselho Executivo das Normas-Padrão), CONAR (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) e dos grupos de Atendimento, Planejamento e Mídia.

Conhecida desde sua fundação como Associação Paulista de Propaganda, em 1989 entendeu que era hora de agir nacionalmente, mudando seu nome para Associação dos Profissionais de Propaganda e expandindo suas atividades para diversas localidades do país por meio de seus Capítulos APP, que hoje somam unidades em Campinas (SP), Sorocaba (SP), Ribeirão Preto (SP), Londrina (PR), Sul de Minas (MG) e Maringá (PR).

Em 2014 lançou a primeira revisão do Código de Ética dos Profissionais de Propaganda, desde quando foi aprovado pelo congresso da categoria, em 1957. Com o objetivo de ampliar o significado da ética profissional aos que estão ingressando no mercado publicitário e contribuir com o aprimoramento dos que já estão em exercício, como os que trabalham em agências, em veículos de comunicação e em empresas que representam as marcas/anunciantes.

“Desde sua fundação a associação acumula muitas conquistas para o mercado publicitário. Hoje a APP busca acompanhar o movimento da comunicação se adequando à necessidade dos profissionais”, destaca Ênio Vergeiro, presidente da entidade no seu quinto mandato consecutivo. “Posso dizer que ao longo desses anos, junto com as demais entidades de classe, trabalhamos em causas que realmente tragam um bom resultado para nosso mercado.”

Atualmente a APP disponibiliza o serviço de Entidade Depositária, que protege a autoria de ideias publicitária como campanhas, peças, obras temas e conceitos, excluindo a possibilidade das criações serem copiadas. E abriga a Câmara Nacional de Arbitragem na Comunicação que tem por objetivo solucionar, extrajudicialmente, controvérsias e litígios entre pessoas jurídicas de Direito Privado ou físicas, através de mecanismos de mediação, conciliação e arbitragem.

No próximo sábado, dia 28, a APP realiza o Fest’UP Tendências, um dos maiores festivais universitários do país. Em sua 30ª edição, o evento traz mais de 20 palestrantes em três auditórios simultâneos, com um line up que reúne os grandes nomes do mercado além de uma atração internacional para falar sobre o assunto mais discutido no momento entre os jovens, os gamers.

Ainda na grade da programação deste ano, no dia 03 de outubro, junto com a ABA (Associação Brasileira de Anunciantes), a APP realiza o “ABA & APP: Os Futuros Profissionais de Propaganda”, na Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado (FECAP), Campus Liberdade em SP, reunindo grandes nomes da publicidade para debater em diferentes painéis sobre as transformações do mercado, a formação universitária e os novos profissionais que estão surgindo.