Prodigo Films produz série sobre os bastidores da OSESP

Com produção da Prodigo Films, a “Work in Progress” é uma série documental para TV composta por 6 episódios de aproximadamente 45 minutos que acompanha, a cada temporada, um processo criativo.

A segunda temporada, “WORK IN PROGRESS – POR DENTRO DA OSESP’, vai levar os telespectadores para uma viagem ao universo de uma das mais conceituadas orquestras sinfônicas do mundo. A cada episódio será apresentado um processo criativo e toda a produção necessária para a realização dos grandes concertos da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP), tendo como pano de fundo a magnífica Sala São Paulo. As câmeras capturaram movimentos e detalhes nunca antes vistos, além de ensaios dos músicos e os bastidores da construção do concerto que inclui a obra “Uma Vida de Herói”, do compositor alemão Richard Strauss.

Participam com depoimentos a diretora musical e regente titular da OSESP, Marin Alsop; o diretor artísticoArthur Nestrovski e o diretor executivo Marcelo Lopes; o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso,presidente de honra da Orquestra desde 2013; Marcos Mendonça, ex-secretário estadual de cultura de São Paulo; e o maestro John Neschling, que foi durante doze anos regente e diretor artístico da Orquestra.

“Depois de mergulhar no processo criativo do Balé da Cidade de São Paulo na primeira temporada, buscamos uma instituição artística a altura. A OSESP é um objeto de desejo nosso aqui da Prodigo há dez anos, e finalmente conseguimos sair do ‘flerte’ para criar algo juntos. Marcelo Lopes, Marin Alsop, Arthur Nestrovski e toda a orquestra e coro foram extremamente gentis e generosos com nossa equipe, e, sob o comando do diretor Diego de Godoy, conseguimos imagens e conteúdos exclusivos que vão surpreender até mesmo os fãs”, diz Giuliano Cedroni, diretor de conteúdo de Work in Progress.

“Mesmo uma série de 6 episódios de 1 hora cada não dá conta da riqueza e da complexidade de uma orquestra sinfônica, ainda por cima da OSESP. Tivemos um acesso inacreditável para acompanhar os ensaios de ângulos nunca vistos nem mesmo por quem está acostumado a lidar com este universo. Enquanto um espectador vê um ensaio na distância da plateia, nós estávamos entre os músicos”, conta o diretor da série, Diego de Godoy.

“O momento mais incrível das gravações foi quando a Marin Alsop (diretora musical da OSESP e regente titular) me disse para colocar um câmera no palco, entre os músicos, durante a apresentação. Ali eu vi que tínhamos estabelecido uma relação de confiança e respeito absoluto. Havia sido advertido sobre possíveis resistências e dificuldades, mas o que eu encontrei foi um grupo confiante, aberto e tranquilo, que foi extremamente receptivo à nossa equipe. A série teve, desde a primeira temporada, o objetivo de aproximar o público comum da linguagem erudita. Quanto mais projetos desmistifiquem a produção artística ou científica, mais gente poderá se descobrir e, quem sabe, fazer a diferença”, acrescenta Godoy.

“Work in Progress” é uma série produzida pela Prodigo Films para o Canal Arte 1. A direção é de Diego de Godoy, autor da ideia original da série. Os produtores são Francesco Civita e Beto Gauss. Giuliano Cedroni assina a direção de conteúdo. Renata Grynszpan é a coordenadora de produção, e a produção executiva é de Beto Gauss. A estreia será no dia 12 de julho, às 20h30, com episódios semanais todas às quintas-feiras. O último episódio será exibido no dia 16 de agosto. A primeira temporada de “Work in Progress” revelou os bastidores do Balé da Cidade de São Paulo e foi ao ar em Março de 2016.

 

Ficha Técnica:

Produtora: Prodigo Films
Ideia original e direção: Diego de Godoy
Produtores: Francesco Civita, Beto Gauss
Produção executiva: Beto Gauss
Diretor de Conteúdo: Giuliano Cedroni
Coordenação de produção: Renata Grynszpan
Coordenação de pósprodução: Maria Luiza Tutu Mesquita
Roteiro: Morris Kachani, Diego de Godoy e Christina Queiroz
Direção de produção: Luiza Campanelli
Diretor de fotografia: Rodrigo Menck
Montador: Jean Battistini
Trilha original: Ricardo Severo
Som direto: Rafael Veríssimo
Edição de som e mixagem: Ricardo Severo