Grupo Ri Happy transforma colaboradores em “revendedores digitais”

A maior marca brasileira do varejo infantil vem se adaptando ao momento de combate contra a COVID-19. Com todas as 284 lojas fechadas para atendimento presencial, a rede reforçou seu e-commerce, criou um serviço de vendas via whatsapp (o Disk Brinquedo) e agora lança o programa “Revendedor Ri Happy”. Todos os funcionários do Grupo – loja, sede, sac, centro de distruibuição e até mesmo diretoria – passam a vender online produtos disponíveis no e-commerce por meio de divulgação nas redes sociais, grupos de amigos, sites e blogs.

De acordo com a diretora de marketing do Grupo Ri Happy, Emilia Velloso, a empresa já estudava o lançamento do programa antes mesmo da chegada da crise e a ideia seria lançá-lo no meio do ano. “Devido ao cenário da pandemia com lojas fechadas e funcionários em casa, decidimos correr e implementar o programa o mais rápido possível. Será mais uma forma de nos ajudar nas vendas nesse momento tão difícil, continuar a levar a brincadeira para dentro da casa dos nossos clientes e, ao mesmo tempo, os colaboradores conseguem uma renda extra que será muito bem-vinda”, afirma a diretora.

Nesse início, o programa só é válido para colaboradores da Ri Happy e será aprimorado ao longo do tempo. Cada revendedor recebe um código ao se cadastrar no programa e pode criar links de produtos do site (www.rihappy.com.br) para divulgar na sua rede de contatos. A empresa vai rastrear cada venda realizada através do código do revendedor, que recebe uma comissão pela mesma. “É uma comissão bastante atrativa. Eu serei um revendedor Ri Happy e tenho certeza que o time vai focar nesse novo projeto com muita dedicação. Mesmo à distância, vamos vencer juntos esse cenário de crise”, ressalta o presidente Héctor Núnez.

Desde o dia 04 de março, o Grupo Ri Happy instalou um comitê de crises para monitorar os fatos e apoiar seus colaboradores e clientes no combate ao novo coronavírus. As vendas online seguem crescendo e a marca realiza via redes sociais um apoio aos pais para entreter seus filhos em casa através da campanha #modobrincaremcasa com sugestões diárias de brincadeiras e material educativo.