Webedia e Facebook reforçam campanha no Dia Nacional da Doação de Sangue

A queda nas doações de sangue durante o período de restrição de deslocamento associada à Covid-19 tornaram o Dia Nacional da Doação de Sangue, celebrado no dia 25 de novembro, ainda mais importante nessa reta final de 2020.

Para ajudar a aproximar mais doadores dos bancos de sangue, a Webedia e o Facebook vão reforçar as ações de sua parceria na campanha que tem a hashtag #sanguedomeusangue como mote.

Todos os verticais da Webedia — AdoroCinema, Hypeness, IGN, Minha Vida, Purebreak, Purepeople, TudoGostoso e MGG – irão contribuir para a produção e distribuição de conteúdos, sempre direcionando para a ferramenta de doação de sangue do Facebook, que está disponível em diversos países para que bancos de sangue possam alcançar mais potenciais doadores.

A ferramenta informa para os usuários cadastrados como doadores na plataforma quais hemocentros nas proximidades  precisam de doações. Desde seu lançamento no Brasil, em maio de 2018, mais de 10 milhões de brasileiros já se cadastraram na plataforma como doadores. Hoje, mais de 70 milhões de pessoas estão inscritas para serem doadoras via Facebook em 25 países, sendo a Índia, Paquistão, Bangladesh, Brasil e EUA os primeiros a ter a ferramenta.

“Diversas pessoas e organizações já usavam o Facebook para promover campanhas de doação de sangue, ou engajar amigos na causa. Pensando nisso, criamos a ferramenta para facilitar a conexão de pessoas que queriam doar com as oportunidades de doação, permitindo também definir lembretes e notificar quando e onde estão precisando de doações”, afirma a gerente de Parcerias para Impacto Social do Facebook, Renata Gimenez.

Pesquisas conduzidas com bancos de sangue na Índia e no Brasil mostraram que 20% de doadores nos bancos afirmaram que o Facebook influenciou sua decisão de doar sangue. No Brasil, qualquer banco público ou privado pode se cadastrar para usar a ferramenta de doações de sangue do Facebook.

Fernanda Benício, diretora geral da Webedia Life, unidade de negócios do grupo responsável pelo Minha Vida, chama atenção para os números de diversos bancos de sangue pelo Brasil, que apontam quedas entre 40% e 50% nas doações. “Nosso desafio é sensibilizar para a causa. Mais do que apenas lembrar da importância da doação em datas especiais, a campanha trabalha para mostrar que essa corrente de solidariedade deve ser mantida em qualquer época do ano, mesmo com todas as dificuldades que vivemos no período de isolamento social”, diz Fernanda.

O Minha Vida será o site centralizador da ação com um canal especial já no ar:
https://www.minhavida.com.br/guias/especial-doacao-de-sangue. A executiva afirma que desde junho existe uma identidade unificada para a campanha, disponibilizada pelo time do Minha Vida tendo como mote a hashtag oficial #sanguedomeusangue, e será utilizada em todas as publicações do tema. No canal, uma das matérias servirá de referência para a campanha, e também trará todas as informações necessárias aos doadores: “Como e por que doar sangue durante a pandemia do coronavírus“.

Fernanda Benício explica que a campanha será mantida até o final do ano, e terá conteúdo nativo, vídeos, matérias temáticas, menção nos programas fixos e nas redes sociais do grupo Webedia, sobre a importância da doação de sangue.