segunda-feira, abril 15, 2024
Programa Grandes Nomes da Propaganda no canal Markket
InícioProdutoraTânia Assumpção assume 100% o comando da CAVE, reformula a marca e...

Tânia Assumpção assume 100% o comando da CAVE, reformula a marca e anuncia novo talento

Tânia Assumpção assume 100% o comando da CAVE, reformula a marca e anuncia novo talento como diretor de cena.

Desde que assumiu totalmente a liderança da CAVE, antes compartilhada com o marido e sócio Rafael Kent (in memoriam), a produtora executiva Tânia Assumpção tem como meta seguir alavancando o business que construíram juntos nos últimos dez anos. A CAVE se mantém como uma produtora independente que entrega produções de diversos portes até filmes mais complexos – o que exige estofo financeiro e inteligência de produção. Para celebrar uma década da produtora, Tânia apresenta a nova identidade da CAVE com novo site e anuncia Victor Versolato, como novo diretor de cena, que chega para somar com Hideki Onuki.

“Conheci o Versolato ano passado, quando ele participou de um dos nossos projetos. Ele está além do nosso tempo. Sua criatividade, talento e responsabilidade em cada trabalho são essenciais num mundo que se move rápido. É um “multi-Verso”. E toda essa energia está muito alinhada aos propósitos da produtora, onde busco talentos que tenham um olhar aguçado e diferenciado no audiovisual”, comenta a executiva.

Versolato não se encaixa numa única descrição, apesar de jovem, tem 26 anos, sua jornada traz muitas facetas e está em plena construção, mas seus feitos são de causar espantos. Dirigiu branded content, programas para TV, faz direção de fotografia, pós-produção, empreende em projetos autorais, dirigiu muitos fashion films, tem uma lista de prêmios do mercado publicitário e faz uso da criatividade na sua potência máxima – HBO Max, Mac Cosmetics, Pandora, Hoegaarden, TikTok, Amaro, Paramount+, OBoticário, Samsung, Kwai, Google, Soko, Y&R, Mutato foram algumas marcas e agências que colaborou criativamente.

“É massa um jovem diretor LGBT numa produtora com tanta história e conexões, me sinto imensamente grato e privilegiado. Uma visão única e sensível vinda de mim somada com toda a expertise de mercado e o nome da CAVE fazem as possibilidades de produções criativas se tornarem gigantes. Quero também ser porta voz de pessoas da mesma minoria que eu num mercado com acesso tão limitado”, afirma Versolato.

Redesign de uma marca

A nova identidade visual da produtora, foi redesenhada por Rafael Kent junto com o designer Leo Vilas, ainda no início deste ano. O conceito se baseou na arte rupestre, encontrada em cavernas, algo muito expressivo para a humanidade, pois transmitia informações importantes sobre a história, o estilo de vida e os comportamentos da época.

“O Kent queria algo diferente, que fosse estranho. Pensar em CAVE de forma orgânica, com pinturas rupestres, hieróglifos. As pessoas que moravam nas cavernas, eram inquietas. Esta era a definição de como ele enxergava a produtora. Brinquei com esses opostos – ser moderno e ao mesmo tempo parecer rudimentar”, comenta Leo Vilas, que está há 13 anos na Osklen como designer especialista.

Sobre a escolha do RGB para as cores, Leo complementa: “A referência que o Kent tinha era muito baseada em pinturas rupestres, tinta, pigmentos. Achei uma forma interessante de fazer esse link com vídeo, em usar o RGB, que é um padrão cromático de monitor, de vídeo, de tela. Fico pensando que uma caverna é um ambiente escuro, então a cor só pode ser visível se ela própria emitir luz, e pra chegar no branco, cada tom desse tem que emitir 100% do seu brilho”.

“Fez muito sentido trazermos traços rupestres e as cores RGB para o novo logo da caverninha, pois a CAVE sempre foi um hub criativo que, há muitos anos, conecta talentos e artistas que usam do audiovisual, uma arte para se expressar”, comenta Tânia.

Artigos relacionados

Novidades