terça-feira, junho 18, 2024
Programa Grandes Nomes da Propaganda no canal Markket
InícioProdutoraProdutora celebra a diversidade cultural e musical em Curitiba

Produtora celebra a diversidade cultural e musical em Curitiba

A alta qualidade técnica aliada à criatividade artística tem colocado a produtora Patching Plants em posição de destaque no cenário musical. A empresa curitibana, focada no audiovisual, tem lançado produções com nomes de peso da música local e nacional, pavimentando um novo cenário de possibilidades artísticas. A consolidação do propósito da Patching Plants marca o lançamento da marca como uma plataforma multifacetada de entretenimento e informação musical.

“Na Patching Plants, buscamos levar música e arte para um público ávido por experiências autênticas”, explica Matheus Gobbi, idealizador da marca ao lado de Pedro Batista. Desde a concepção da Patching Plants durante a formação musical de um dos sócios em Melbourne (Austrália), os produtores culturais já vislumbravam uma intersecção entre diversas formas de expressão. É daí que surge o nome: ‘Patching Plants’ fazendo menção ao ‘Patchbay’ que é como o cérebro ou localização central para todas as entradas e saídas de áudio na configuração de um estúdio. Basicamente, os patchbays permitem alterações fáceis do fluxo de sinal sem a necessidade de desligar e voltar a ligar fisicamente os cabos. Também eram usados pelas antigas empresas de telefonia, para conectar uma linha a outra, ligando as pessoas (organismos/plantas). “É o que fazemos aqui: conectar pessoas, por meio da paixão pela música e o audiovisual”, define Pedro Batista.

Com o selo de qualidade da produtora, o novo formato da Patching Plants como plataforma tem três pilares de ação para entregar conteúdo interessante aos seguidores (@patchingplants no Instagram, TikTok, no YouTube e em todas plataformas de streaming). Entre as produções próprias, está a PP Sessions, uma sessão musical ao vivo, na qual arranjos são recriados de forma completamente orgânica, de músicas já existentes ou ainda faixas exclusivas e inéditas. “Nosso objetivo é compartilhar com o público o lado humano dentro de cada música, mostrando arranjos em suas essências, nas quais muitas vezes, conseguimos visualizar a personalidade e identidade de cada pessoa envolvida na entrega para aquela música e momento”, afirma Batista. Artistas como Julia Mestre, Tagua Tagua e Pecaos, entre outros, já fizeram parte desse quadro, disponível no Youtube. O projeto está em sua primeira temporada, de 24 episódios, lançando novos episódios toda quarta-feira, apresentando o arranjo exclusivo de um artista novo.

Outros formatos também são produzidos, como a Jambox. Inspirado nas jam sessions, nas quais os músicos tocam livremente criando até arranjos inesperados no encontro de diversos talentos musicais, o quadro tem gravações de improvisações de artistas convidados. Já a PP Faz a Festa é um evento trimestral com música ao vivo feito em local aberto, normalmente um jardim super aconchegante, que conta com toda a cobertura audiovisual resultando em vídeos que são postados no canal da marca. Wes Ventura, nome que vem despontando no cenário curitibano como grande talento da nova geração da cidade, já esteve entre os destaques do evento.

Para todos os quadros da Patching Plants, é realizada uma extensa curadoria de artistas e bandas. Essa seleção também é vista em outro pilar do projeto, com a curadoria de músicas e eventos, resultando desde produções próprias que passam dos 20 mil ouvintes mensais em plataformas como Spotify onde, além das playlists, contém músicas lançadas com os artistas que passam pelas sessions. Todo o trabalho de curadoria feito nas redes acabam ajudando a mostrar novos talentos nacionais. O terceiro pilar da reformulação da Patching Plants passa pela rede de informações sobre o cenário musical. Notícias e anúncios de shows, a cobertura de eventos e outras ações completam essa etapa da nova visão para a plataforma.

Com essas três frentes, a Patching Plants já faz um movimento inovador no cenário musical curitibano, com amplitude nacional ao incluir convidados de peso e utilizar as redes sociais para aproximar o público de seus artistas favoritos com conteúdo inédito. “O objetivo é nos consolidar como uma plataforma que celebra a diversidade criativa”, finaliza Gobbi.

A produtora audiovisual Patching Plants produz conteúdo autoral disponível nas maiores plataformas. Está presente como @patchingplants no Instagram, no YouTube, no TikTok, na Amazon Music e no Spotify.

Artigos relacionados

Novidades