Prêmio CDL/BH de Jornalismo celebra dez anos

O Prêmio CDL/BH de Jornalismo completa dez anos em 2022. E, para celebrar a data, pela primeira vez a premiação será aberta aos profissionais da comunicação de todo o país. Também poderão participar cinegrafistas, fotojornalistas e estudantes. As inscrições começam no dia 11 de fevereiro e seguem até o dia 20. Podem ser inscritos trabalhos publicados no período de 29 de março de 2021 a 09 de fevereiro de 2022. Em breve será disponibilizado um hotsite com mais informações sobre a candidatura e regulamento completo.

“Chegamos à 10ª. edição do prêmio com novidades e, principalmente, com um grande compromisso em reconhecer e agradecer aos profissionais de imprensa o valioso serviço de informação que eles nos prestam diariamente. Vivemos um período de grande volume de informações circulando e, infelizmente, muitas são fake news. O trabalho da imprensa é imprescindível para combater a inveracidade, defender a opinião pública e informar a sociedade sobre os reais acontecimentos”, destaca o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH), Marcelo de Souza e Silva. A entidade é a idealizadora do prêmio em parceria com o Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais (SJPMG).

Pautas

Para a 10ª edição do Prêmio CDL/BH de Jornalismo serão aceitas reportagens que apresentem pautas referentes aos setores de comércio e serviços de Minas Gerais com as seguintes abordagens:

 

•         Representatividade dos setores de comércio e serviços na economia mineira;

•         Competitividade empresarial;

•         Empreendedorismo;

•         Políticas urbanas (segurança, mobilidade urbana, revitalização, infraestrutura, código de posturas e uso e ocupação do solo) que contemplem as categorias econômicas dos setores de comércio e serviços;

•         Políticas públicas e legislação que contemplem as categorias econômicas dos setores de comércio e serviços;

•         Uso da tecnologia que contemple as categorias econômicas dos setores de comércio e serviços;

•         Desenvolvimento sustentável que contemple as categorias econômicas dos setores de comércio e serviços.