quinta-feira, julho 25, 2024
Programa Grandes Nomes da Propaganda no canal Markket
InícioMercado DigitalGoverno do Estado impulsiona games com fomento de milhões

Governo do Estado impulsiona games com fomento de milhões

Santa Catarina é destaque quando o assunto é games e jogos digitais, sendo o quarto estado brasileiro com a maior concentração de desenvolvedores, segundo dados de 2022 da Associação Brasileira de Empresas Desenvolvedoras de Jogos Digitais (Abragame). Para impulsionar ainda mais o setor, o Governo do Estado anunciou nesta quinta-feira, 13, R$ 2 milhões para apoiar o desenvolvimento de projetos inovadores de empresas da área. O fomento será concedido via edital 26/2024 – Start – SC Games, realizado pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) e pela Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (SCTI). Cada proposta selecionada poderá receber até R$ 200 mil.

Confira o edital

https://fapesc.sc.gov.br/edital-de-chamada-publica-fapesc-no-26-2024-start-sc-games-subvencao-economica/

Conforme a Pesquisa da Indústria Brasileira de Games 2022, realizada pela Abragames e parceiros, das 762 desenvolvedoras analisadas (de um universo de mais de 1 mil empresas estimadas no Brasil), 52 ficam em Santa Catarina. O estado vem após São Paulo (280), Rio de Janeiro (89) e Rio Grande do Sul (58). O Sul do país aparece no levantamento com 21% da concentração de desenvolvedoras de jogos digitais, atrás apenas do Sudeste, que concentra 57%.

Com o edital, Fapesc e SCTI pretendem apoiar o potencial inovador da indústria de jogos digitais catarinense e colaborar com a sua consolidação, além de fomentar o desenvolvimento tecnológico. As empresas interessadas em participar do edital, devem encaminhar suas propostas para o Sistema SIGFapesc até o dia 15 de julho, às 18 horas.

Compromisso com o setor de Tecnologia

O presidente da Fapesc, Fábio Wagner Pinto, pontua que o edital tem um grande foco no estímulo ao empreendedorismo no ramo de games voltados para plataformas como computador e celular. “É um mercado em ampla expansão e o Governo do Estado quer incentivar desenvolvedoras de games. O edital vai contemplar até 10 projetos, incentivando que empresas catarinenses tenham uma maior participação nesse mercado gigantesco. Hoje vemos nossas empresas trabalhando para o mundo inteiro, fazendo uso do ambiente favorável que temos no estado, com segurança pública e Índice de Desenvolvimento Humano em destaque. O Start – SC Games também é um incentivo para atrair profissionais para atuarem nas desenvolvedoras catarinenses de jogos eletrônicos”, afirma o presidente da Fapesc.

O secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marcelo Fett, enfatiza o crescimento do setor e o quanto a indústria do game tem ganhado espaço no mercado. “O setor de Tecnologia, Inovação e Games está em constante crescimento, movimentando a economia do Brasil e do mundo, gerando emprego e renda e servindo de base para a descoberta de novas habilidades. Com o passar dos anos, os jogos deixaram de ser apenas uma terapia e ganharam espaço e destaque no mercado de trabalho”, destaca Fett.

O gerente de Mercado de Games e Robótica da SCTI, Heleno Orlandino Junior, enfatiza que a chamada pública lançada nesta quinta-feira, 13, é um passo importante para a indústria de games no estado. “É um edital de fomento onde várias indústrias do ecossistema catarinense vão poder se inscrever, ter maior visibilidade no mercado, gerar novos negócios e estimular a criação de novas oportunidades nessa área”.

O edital 26/2024 da Fapesc e da SCTI está alinhado ao Programa Santa Catarina Games e Entretenimento Digital – SC Games, instituído pelo Decreto 2.338 de 21 de maio de 2009. O programa tem como finalidades fomentar o desenvolvimento do setor de games e entretenimento digital no estado, preparar recursos humanos para atuação no setor e divulgar nacional e internacionalmente os produtos e serviços catarinenses deste setor.

Setor em expansão

Conforme a pesquisa divulgada pela Abragames, a indústria de jogos digitais ocupa o segundo lugar entre os negócios de entretenimento no mundo, perdendo apenas para a TV, e ultrapassando o cinema e o editorial.

Conforme estimativas levantadas por empresas de monitoramento de tendências, até o final de 2024, o mercado mundial de games deve movimentar mais de US$ 219 bilhões em receita. No Brasil, a previsão é a de que os R$ 13 bilhões movimentados anualmente pela indústria de games possa duplicar até 2026, com uma taxa de crescimento anual de 15,2%.

Artigos relacionados

Novidades