Smartphone é o presente mais desejado pelos pais, revela pesquisa

0

Para quem ainda não decidiu o que dar neste Dia dos Pais, uma pesquisa realizada pela Ipsos revela que o presente ideal dos homenageados do próximo domingo é um smartphone. Realizada em 9 regiões metropolitanas do Brasil, a pesquisa mostra 52% dos pais que moram com seus filhos não possuem telefone celular com acesso à internet e aplicativos e 10% deles declararam ter intenção de comprar um nos próximos 12 meses.

Televisão de plasma, LCD, LED ou 3D e tablets também aparecem no topo da lista de desejos. Outro sonho de consumo é viajar. 37% dos pais que moram com filhos pretendem viajar no Brasil e 5% para o exterior nos próximos 12 meses. Já entre aqueles que não moram com seus filhos, 35% confirmaram a intenção de viajar no Brasil e 5% para outros países.

A pesquisa Ipsos / Estudo Geral de Meios (EGM) ouviu 13.396 homens com mais de 18 anos que vivem nas regiões de metropolitanas de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porta Alegre, Brasília, Salvador, Recife e Fortaleza. A margem de erro é de 0,85% para mais ou para menos.

Dia dos Pais mais emocional do que comercial

A data, no entanto, não é a mais comercial do calendário brasileiro – Dia das Mães e Natal, por exemplo, costumam ser muito mais esperados pelo comércio local. Este ano, segundo pesquisa da Omelete Inteligência, os pais brasileiros dizem querer ganhar mais gestos emocionais do que objetos de valor material. De acordo com o estudo, 41% dos entrevistados esperam por um gesto de carinho dos filhos.

Como reflexo de uma economia instável, o segundo maior desejo para o Dia dos Pais é um presente criado pelo próprio filho, expectativa de 38% dos entrevistados. Já 7% dos pesquisados acredita que não irá ganhar nada, enquanto 12% se dividem entre vestuário, eletrônicos, livros e outros agrados.

Já em relação ao lazer para a data, 59% dos pais brasileiros devem comemorar em casa ao invés de sair para algum programa com os filhos. Estar com os filhos, aliás, é prioridade na data para 83% dos ouvidos pela pesquisa.

“A Omelete Inteligência busca entregar pesquisas com dados que possam ser colocados em prática. O levantamento do Dia dos Pais, especificamente, ajuda a entender como eles querem ser presenteados na data: mais do que itens de valor, os pais querem ser surpreendidos e emocionados. Entender o anseio do consumidor é uma forma de criar diálogos mais eficientes e as pesquisas ajudam nesse sentido”, comenta Ana Del Mar, CEO e founder da empresa.

A pesquisa de Dia dos Pais foi realizada com 290 pais de vários perfis: biológicos, pais-mães, pais-tios, pais de coração, pai-irmão, pais adotivos, entre outros.