Jogos Olímpicos foi destaque no ABA Summit 2015

João Campos

Olimpíadas 2016 foi um dos temas do ABA Summit 2015, que aconteceu nessa quinta-feira, dia 22 de outubro, em São Paulo. Abriram o evento João Campos, Presidente da ABA e Presidente da Divisão de Alimentos da Pepsico do Brasil, Sandra Martinelli, Presidente Executiva da ABA,  e Sergio Pompilio, VP Jurídico e de Assuntos Corporativos da Johnson & Johnson e Vice-Presidente da ABA.

No primeiro painel, Mario Simon, Global Chairman da Millward Brown Vermeer, mostrou os resultados do estudo global Insights 2020: Conduzindo o Crescimento Focado no Consumidor. “Entender o consumidor é fundamental. E isso é muito dinâmico. O consumidor de hoje será muito diferente daquele de 2020, totalmente conectado”, disse Mario Simon.

Logo em seguida, foi a vez do painel Olimpíadas 2016 com a participação de Renato Ribeiro, Repórter Especial de Esportes da Rede Globo, ao lado dos Comentaristas do Time de Ouro Tande e Hortência. Além de discutir os jogos e sua importância, eles falaram sobre as ações que a Rede Globo fará durante o evento. Renato destacou a importância das torcidas nos jogos e lembrou que, para despertar o interesse do espectador, é preciso emocioná-lo. “Um jogo só provoca emoção se você conhecê-lo. Como vai torcer se não sabe o final ou como é a contagem de pontos?”, disse ele.

Graziela Godinho, Chefe do Departamento de Comunicação Estratégica dos Correios, apontou as ações que os Correios irá fazer como patrocinador oficial dos jogos. Poliana Sousa, Diretora de Marketing da P&G, também contou um pouco sobre o que planejam para o evento. O legado foi enfatizado por Hortência e Tande, ele disse esperar que o Brasil se mire em Barcelona. “Antes de 1992, Barcelona era outra cidade. As Olimpíadas mudaram a paisagem e a economia da cidade. Na Grécia isso não aconteceu”, afirmou Tande. Hortência lembrou ainda que jogos podem trazer um legado para as crianças, que podem ver no esporte uma oportunidade para a vida.

O último painel do ABA Summit 2015 teve início com a apresentação The Holding Company Disruptors, de Jon Bond, CEO da Tomorro\\\, com a afirmação “O mercado passa por uma grande transformação”. Para Jon, parte desta transformação está no jeito em que as entregas por parte das agências estão sendo feitas, bem como a retenção de talentos.

O tema novos negócios colaborativos foi abordado por Jeffrey Merrihue, CEO da Mofilm, que mostrou o novo modelo de se fazer um filme: o crowdsourcing. “Os jovens não assistem mais TV. Eles estão vendo vários programas em lugares diferentes. Há milhares de comerciais e 80% deles permanecem com as grandes marcas. Mas é possível fazer outro conteúdo e que pode ser compartilhado”, disse ele.

Encerrou o evento Jill Cress, Head Global da MasterCard para Consumer Marketing, com o case da Mastercard, o famoso “Não tem preço”. “A campanha, iniciada 18 anos atrás, foi de grande impacto para a empresa. Afirmamos que as coisas que mais têm importância na vida são aquelas que você não compra com dinheiro”, disse.

O ABA Summit contou com patrocínio Ouro Band e Globo e patrocínio Prata Facebook, Globosat,  Pernod Ricard, Grupo RBS, Recor e Twitter.