Campanha de Bradesco para o Dia dos Pais é um convite à reflexão

Mais que uma homenagem ao dia dos pais, uma campanha sobre amor, conexão e um convite à reflexão. Assim é o novo filme do Bradesco, criado pela Publicis, e que estreou hoje com cobertura nacional.

Na peça, pai e filha aparecem em situações do dia a dia: jogando uma partida de xadrez, comendo pipoca, desenhando, dançando. Os olhares e os carinhos da dupla ficam evidentes, em momentos espontâneos. Quem narra o filme, descrevendo o quanto o pai é incrível, é a menina. Ao final, revela-se que o homem é cadeirante. A assinatura traz a mensagem: “O Bradesco acredita que o amor de um pai transforma o futuro de um filho – de todos”.

Ao trazer um cadeirante como protagonista, o filme retrata a realidade das pessoas com deficiência (PcDs), que são em torno de 45 milhões no Brasil de acordo com o IBGE. Para isso, a produção contou ainda com assessoria da Sondery, a primeira consultoria de acessibilidade criativa do mercado, focada no desenvolvimento de projetos e campanhas inclusivas, envolvendo pessoas com deficiência.

“Em linha com o propósito da marca de promoção da inclusão e realização das pessoas, a comunicação do Bradesco continua valorizando a diversidade presente. Além disso, tivemos o cuidado e a responsabilidade de imprimir a representatividade sem o viés capacitista ou de superação típico das narrativas em torno das pessoas com deficiência”, afirma Márcio Parizotto, diretor de Marketing do Bradesco.

Os protagonistas do filme são pai e filha na vida real: Billy tem 40 anos e é músico, e Emilia tem 6 anos.

“O sentimento deles é tão forte, que em nenhum momento o fato deles não serem atores se tornou um problema. O filme transborda amor e capta a vida como ela é”, afirma o CCO da Publicis, Domenico Massareto.

O Bradesco tem se posicionado em sua comunicação como um agente de transformação que promove ações e diálogos para construção de uma sociedade com mais respeito e igualdade. A plataforma #AliadosPeloRespeito foi criada pelo banco para discutir, interna e externamente, causas relacionadas à equidade de gênero, etnias, pessoas com deficiência e o universo LGBTI+. A partir dele, nasceram os grupos de afinidade, formados por funcionários, que discutem visões e processos de melhoria interna que ajudam a empresa a seguir evoluindo e dando alicerce para as ações externas.

A liderança em movimentos de comunicação voltados para impacto positivo tem em seu histórico outras campanhas, como a de dia dos pais do ano passado, quando trouxe um elenco todo negro, porém retratado em situações corriqueiras, sem a mensagem racial e de luta que costuma acompanhar as narrativas em torno do tema.

Em abril deste ano, uma campanha do banco retratou as situações de assédio sexual contra as mulheres. A BIA, Inteligência Artificial do Bradesco, foi porta-voz da mensagem, pois também recebe mensagens inoportunas. Em junho, o foco foi o universo LGBTI+, com um filme que falou de respeito, diversidade, amor e inspiração.

No mesmo mês, o banco lançou a série em podcast “Aliados Pelo Respeito”. Serão quatro temporadas com 16 episódios ao todo. A primeira temporada, chamada “Fala, BIA!”, reforça o movimento de combate à violência contra a mulher.

Desde o ano passado, em linha com o propósito do Bradesco de promover a inclusão, todos os filmes publicitários têm versões com tradução em libras e legenda, além de áudiodescrição, em uma playlist exclusiva no canal do Bradesco no YouTube. Dessa forma, o banco democratiza o acesso desse público ao conteúdo da marca. Filme de dia dos pais com acessibilidade: https://www.youtube.com/watch?v=qeiZoF2vx5s

Recentemente, o banco substituiu a terminologia “Pra cego ver” por “Pra todo mundo ver”. Além de usar as melhores práticas de linguagem neutra de gênero, o Bradesco optou ainda por reduzir e simplificar a descrição e indicação da versão acessível no YouTube e de seus posts nas demais redes sociais.

FICHA TÉCNICA

 

Cliente: Bradesco.

Agência: Publicis.

Produto: Institucional

Título: Billy e Emilia

Aprovação: Márcio Parizotto, Daniela Ugayama e Marcelo Salgado

CCO: Domenico Massareto

Diretores de Criação Associados: Pedro Maneschy, Luciana Lima, Mica Moran

Criação: Flavio Ferri, Gustavo Leal, André Rival, Pedro Maneschy, Luciana Lima, Mica Moran

Conteúdo: Claudia Cecilia, Aline Botelho, Julia Miranda, Henrique Dantas e Icaro Lincoln
Atendimento: Tatiana Chiari, Marcelo Trivilato, Marcella Spada e Marina Felippe

Planejamento: Gustavo Leite, Rodrigo Magalhães e Giulia Joau

Mídia: Mauricio Almeida, Fabiana Rodrigues, Ester Ribeiro, Lais Dalcin, Juliana Jardim, Marianna Garcia, Carla Barros, Francine Silva, Alinne Lopes, Camila Bitencourt, Raquel Tavernari, Priscila Santos, Maria Luiza Veneziano, Carla Masetto e Tatiane Santos;
RTVC: Renata Sayão, Rita Teófilo, Fabiana Diniz

Produtora de Imagem: Rebolucion

Direção: Cassu

Produção Executiva: Ciro Cesar

Line Producer: Alexandre Mancen

Head of Sales: Fabiana Gimenez

Producer: Paula Soares

1ª AD: Ju Cretella

2ºAD: Juka Taitni

Assist. de Coordenação: Tiago Poletto

Diretor de Produção: Fred Guerini

Produtora: Larissa Teixeira

Prod. De Locação: Fabiano Ramos

Diretor de Fotografia: Fe Oliveira

Produtora de Elenco: Taty Horta

Diretor de arte: Dani Miragem

Figurinista: Carol Donato e Milton Fucci Junior

Maquiadora: Fabiana Mizukami (Mima)

Montador: Ivan Kanter e Beto Araújo

Finalizador: Cris Caffaro e Driano Torres

Grading: The End – Cassiana Umetsu

Pós Produção / Motion: The End

Produtora de Som: PUNCH Audio

Direção Musical: Cristiano Pinheiro

Composição: Tony Berchmans

Atendimento: Alessandra Pais, Lili D.Aragoni e Fernanda Garroux

Finalização, mixagem e sfx: Gustavo Guanaes e Fernando Martinez

Coordenação: Juliana Pontes e Paula Pedroso