Avon, Natura e The Body Shop lançam movimento para o mês do orgulho LGBTQIA+

Avon, Natura e The Body Shop lançaram neste fim de semana o movimento “soumaisdoquevcvê”, em prol da diversidade e da visibilidade para todas as pessoas da comunidade LGBTQIA+.

Os materiais foram desenvolvidos pela agência Africa, em parceria com o coletivo LGBTQIA+ de colaboradores da Natura, grupo conhecido como “Natura em Cores”. O filme tem narração da cantora Liniker, que ilustra o vídeo ao lado de pessoas dos mais diferentes perfis e idades – todas LGBTQIA+ -, entoando um manifesto sobre a pluralidade de vozes que compõem a sigla.

“Sou muito mais que uma pessoa lgbtqi+. Sou também tudo aquilo que você aplaude nos outros. Eu sou enfermeiro, eu sou artista, eu sou ativista, eu sou professor, eu sou historiador, eu sou jornalista, eu sou o casal que quer adotar, eu sou o pai, eu sou a mãe, eu sou o filho, eu sou mais. Eu sou do movimento que nasceu com apenas 3 letras e se abriu para muito mais”, declara a cantora.

Além do manifesto, a campanha conta com uma série de conteúdos para as redes sociais e uma landing page(https://www.natura.com.br/maisdoquevcve) do movimento, com depoimentos das pessoas que participaram do filme, além de formas de apoio e conteúdos de conscientização.

“Somos um grupo de beleza que mantém ações de conscientização ao longo do ano para impulsionar oportunidades de trabalho, inclusão e visibilidade para o público LGBTQIA+. O mês de junho, entretanto, é um momento importante para reforçarmos nossas crenças e levantarmos juntos a bandeira do amor e da diversidade.”, pontua Carlos Pitchu, vice-presidente de Midia, Conteúdo e Comunicação de Natura &Co.

“Vivemos um momento esquisito, travado por opiniões que divergem muito entre si. Em momentos assim, é importante sempre lembrar a força da inclusão e do amor”, Sophie Schonburg, Diretora Executiva de Criação da Africa. “As coisas simplesmente não podem mais continuar como estão e o manifesto é importante para lembrar a riqueza que existe pluralidade e diferentes formas de ser”, pontua.

Assista: