Aplicativo acelera música para alertar motorista em velocidade

Todos os anos, cerca de 1,3 milhão de pessoas morrem vítimas de acidentes, segundos a Organização Mundial da Saúde/ONU. No panorama mundial, o Brasil ocupa o quinto lugar entre os recordistas em mortes no trânsito. Ainda segundo a OMS, um dos maiores fatores de risco para essa realidade é o excesso de velocidade dos motoristas.

Pensando nesse cenário, a Arteris, uma das maiores empresas de concessões de rodovias do Brasil, junto com o Spotify e o Google Maps, lançaram o aplicativo Speed-O-Track, desenvolvido pela Dentsu Brasil, para ajudar o motorista a respeitar os limites de velocidade de forma bastante inusitada. Em vez de avisos sonoros, a própria música ouvida pelo condutor irá ajudá-lo a adotar um comportamento seguro, que pode salvar vidas.

Ao fazer o login no Spotify, o app acessa todas as playlists da conta conectada e usa os dados do Google Maps para identificar a velocidade máxima permitida no local transitado. Quando o limite é ultrapassado, a música que está tocando no momento acelera e só volta ao ritmo normal quando o veículo estiver dentro da velocidade permitida. Desta forma, o Speed-O-Track une tecnologia, inovação e diversão, por meio de duas das maiores plataformas digitais do planeta, o Google e o Spotify, para oferecer um novo serviço para as pessoas. Confira como funciona:

https://www.youtube.com/watch?v=CsP9XnJi5Bg&feature=youtu.be

O app, disponível gratuitamente para Android e iOS, funcionará apenas para assinantes Premium do Spotify. As 500 primeiras pessoas que fizerem download ganharão um mês grátis de assinatura do Spotify Premium.

“A inovação é um dos pilares da estratégia de segurança viária da nossa empresa, que trabalha para cumprir a meta de 50% de redução dos acidentes nas rodovias que administramos”, afirma a diretora de Comunicação, Marketing e Sustentabilidade da Arteris, Alessandra Vasconcelos. “Os aplicativos de navegação estão cada vez mais presentes nas vidas das pessoas, o que abre uma enorme oportunidade para o desenvolvimento de funcionalidades que podem tornar o trânsito mais seguro”.

A tecnologia inédita envolve um mashup entre Geolocalização, Reverse Geocoding, Streaming e Processamento de Áudio. Esse cruzamento de dados do API (Application Programming Interface) do Google Maps com a playlist do usuário no Spotfy aproveita um hábito frequente das pessoas – ouvir música enquanto dirigem –, possibilitando, assim, a criação de um alerta diferenciado e melhor percebido pelo condutor.

“O Speed-o-Track chama rapidamente a atenção do motorista e o alerta sobre o excesso de velocidade por meio da própria música em ritmo acelerado, ao contrário de mensagens sérias e pouco interessantes que normalmente são utilizadas quando o assunto é Segurança no Trânsito”, conta Filipe Cuvero, diretor de Criação da Dentsu Brasil.