Tech and Soul é destacada internacionalmente no Small Agency of the Year, do AdAge

Tech and Soul - sócios Flavio Waiteman - (chão) - Claudio Kalim, Claudio Gora e Fernando Amino (crédito: divulgação)

A Tech and Soul conquistou um troféu de Prata no Small Agency Awards, premiação realizada anualmente pelo Advertising Age. Em sua 11ª edição, o evento reconhece agências prioritariamente independentes que tenham entre 1 e 150 funcionários e se destaquem em quesitos como criatividade, inovação e resultados de negócios, brigando de igual a igual com algumas das maiores e mais tradicionais operações da indústria.

Única latina entre as premiadas, a brasileira ficou com o segundo lugar entre todas as operações internacionais, com o Ouro entregue para a londrina Uncommon. Considerando o mercado americano, o título de Small Agency of the Year foi para a Highdive, de Chicago, criadora de filmes premiados para o último Super Bowl, como “Groundhog Day” da Jeep, com Bill Murray; e o de Rocket Mortgage com Jason Momoa.

“O Small Agency Awards reconhece não só grandes trabalhos criativos, mas também resultados concretos para os clientes. E embora esses prêmios considerem a performance de 2019, vale a pena notar que os vencedores continuam produzindo um trabalho excepcional e eficaz, apesar das limitações impostas pela COVID-19 e uma economia instável”, destacou Judann Pollack, editora-executiva do AdAge.

Em apenas três anos de vida, a Tech and Soul conquistou papel de destaque no mercado brasileiro e internacional, angariando diversos prêmios de criatividade e atraindo clientes como Mitsubishi, Uber, C6Bank, Locaweb, GOL, Minerva Foods e Endeavor, entre outros. Em 2019, foi uma das grandes vencedoras do Cannes Lions, garantindo sete Leões com a campanha “Goleiro Distraído”, para Uber, e aparecendo entre as principais agências independentes do mundo, ao lado de nomes como Wieden+Kennedy e Droga5.

“Esse prêmio prova que não é necessário ser uma agência grande para ser uma grande agência. Nosso modelo traz a leveza e a agilidade tão necessárias nos dias de hoje, potencializadas pela nossa total independência, e a criatividade focada nos resultados dos clientes como base fundamental, contando com a união ideal entre senioridade, frescor e o reforço de especialistas”, destaca Claudio Kalim, sócio e CEO da Tech and Soul.

“No ano passado, aparecemos entre as agências mais criativas do mundo, com cases para diferentes clientes. Este ano, mesmo em tempos tão difíceis de pandemia, figuramos nas listas de destaque em resultados e novos negócios. Esse novo prêmio reforça a importância dessas dobradinhas que tanto acreditamos e trazemos até no nosso nome: tecnicidade e alma, razão e emoção, criatividade e resultado”, complementa Flavio Waiteman, sócio e CCO da Tech and Soul.