terça-feira, abril 23, 2024
Programa Grandes Nomes da Propaganda no canal Markket
InícioAgênciasMães da Sé: pessoas desaparecidas viram personagens de videogame

Mães da Sé: pessoas desaparecidas viram personagens de videogame

O desaparecimento de pessoas no Brasil é um fenômeno social que atinge principalmente famílias de baixa renda. Só no Estado de São Paulo, em média 25.000 pessoas somem por ano. É em prol desta causa que a ABCD – Associação Brasileira de Busca e Defesa da Criança Desaparecida, conhecida como Movimento Mães da Sé, desempenha desde 1996 um papel fundamental ao auxiliar as famílias na procura por entes desaparecidos.

Além de ser uma referência no processo de pesquisa, busca e elucidação do desaparecimento, a ABCD também oferece aos familiares atendimento diferenciado dando orientações quanto aos procedimentos legais e realizando encaminhamentos aos órgãos competentes. Entretanto, grande parte do apoio financeiro e pessoal ao movimento vem diminuindo. Neste início de ano, então, momento em que muito se fala sobre renovação da esperança, o tema pode ganhar força e atenção, e voltar a tornar a causa mais latente. Com isso em mente, a DRUID Creative Gaming, agência especializada em comunicação e estratégia criativa para o mundo dos games, desenvolveu um projeto inovador para trazer a comunidade para perto dessa causa tão importante e aproveitar a popularidade e alcance dos jogos eletrônicos como plataforma de mídia e divulgação.

Com o lançamento de “Starfield”, um game de aventura sobre exploração no espaço e cotado como grande sucesso dos últimos meses com a venda de mais de 10 milhões de cópias no mundo, se deu o insight para a criação da oportunidade, já que um dos aspectos que mais chama atenção é o “Criador de Personagem” – ferramenta em que os jogadores podem definir as características de seus avatares. Esse asset do Starfield é tão avançado, que ficou mais famoso ainda em meio a comunidade após vários jogadores começaram a postar tutoriais e vídeos sobre como conseguiram replicar personagens famosos dentro do game – dentre eles artistas como Keanu Reeves e Willem Dafoe.

Assim, a DRUID criou o projeto que “transforma” as fotos das pessoas desaparecidas cadastradas no ABCD em personagens do jogo Starfield e convidou grandes influenciadores gamers a doarem seu tempo e audiência para a causa do Movimento, se comprometendo a jogarem com esses avatares específicos. “Por que não aproveitar a oportunidade que o jogo oferece e dar visibilidade em ajudar causas importantes como as pessoas desaparecidas?” questiona Rafael Hessel, Diretor Geral de Criação da DRUID. Para alcançar a modelagem perfeita dos rostos do banco de dados da Instituição, a agência contou com uma equipe expert em captações in-game.

Grandes nomes do segmento gamer, como RakinSMZinho e Menye B apoiaram a ação, e utilizaram de suas redes sociais e canais de streaming para contar sobre o Movimento Mães da Sé e o trabalho executado pela Instituição. O intuito é gerar awareness para a Mães da Sé ao passo que, com mais pessoas seguindo os perfis da Instituição, o banco de dados com as pessoas desaparecidas também ganha mais acessos. Durante todas as lives realizadas, os streamers foram treinados pela DRUID sobre a história da ABCD para poderem conversar em seus chats sobre o assunto com seus seguidores.

A ação já está em andamento. “Nossa expectativa é conseguir engajar os gamers, uma comunidade enorme, unida e ativa, para aumentar o fluxo de informações sobre os desaparecidos, além do conhecimento, o trabalho sério e propósito da Instituição. E, claro, que o maior sonho de todos nós e os que abraçaram essa ideia com a gente é encontrar algum ente querido que está sendo procurado por sua família”, afirma Rafael Hessel.

O Movimento Mães da Sé é uma entidade sem fins lucrativos e presta gratuitamente serviços de relevância e tem possibilitado a localização de pessoas desaparecidas não só no Estado de São Paulo, como em todo território Nacional. A cada 15 dias, mães se reúnem nas escadarias da catedral da Sé, na Capital de São Paulo, fazendo uma manifestação silenciosa com fotos e cartazes de seus filhos desaparecidos, como forma de alertar o público e as autoridades em relação ao problema do desaparecimento no Brasil. Hoje, conta com mais de 12 mil casos cadastrados e, desde o seu início, colaborou diretamente para o encontro de mais de 5.538 pessoas.

“Somos ferramenta e instrumento de defesa na busca de pessoas desaparecidas, e buscamos ter o reconhecimento e apoio efetivo do poder público e privado nos casos de desaparecimentos. Por isso, acreditamos que toda e qualquer ação que nos ajude de forma séria e com intenção genuína fará a diferença na hora de cumprir com a nossa missão”, explica Ivanise Esperidião da Silva Santos, idealizadora do Movimento Mães da Sé, que teve a filha, Fabiana, então com 13 anos, desaparecida, a cerca de 120 metros de distância de casa, em 23 de dezembro de 1995

FICHA TÉCNICA:

Cliente: Mães da Sé + Starfield

Produto: Institucional

Agência: DRUID CREATIVE GAMING

Título: Avatares Desaparecidos

Planejamento: Bruna Pastorini

Diretor Geral de Criação: Rafael Hessel

Criação: Ana Agra, Ivana Ribeiro e Matheus Carrera

Diretora Geral de Atendimento: Mariana Nunes

Atendimento: Thamires BarrosGestão de Projetos: Leandro Silva, Gabriel Businari

Influenciadores: Bernardo Mendes, Flavia Guitarrara

Produção: Bruna Amorim

Coordenador de Pós Produção: Renan Godoy

Motion Designer:  Renan Godoy, Pedro Fiúza

Aprovadores cliente: Ivanise Esperidião da Silva Santos

 

Artigos relacionados

Novidades