Hands cria plataforma com dados sobre o comportamento mobile dos usuários

A Hands amplia seu portfólio de produtos com o lançamento da MDM, abreviação de Mobile Data Management. Uma plataforma de clusterização e criação de audiências baseada no comportamento mobile dos usuários por meio da geolocalização, apps utilizados, histórico de navegação na web e pontos wifi que acessa.

“O mundo mobile possui peculiaridades em diversas frentes, principalmente na segmentação de audiência. Durante o planejamento e veiculação de nossas campanhas sentíamos falta de uma plataforma específica, capaz de aproveitar todo o universo de dados e informações que podem ser acessados via smartphones e tablets. Com isso criamos a primeira DMP puramente mobile do mercado”, explica João Carvalho, CEO da Hands.

A geolocalização detecta locais que o usuário frequenta, identificando o nome, tipo e perfil do local, como restaurantes, academias, shoppings etc. Estes dados ainda podem ser enriquecidos com mais informações, como ticket médio, se é pet friendly ou aceita determinada bandeira de cartão etc.

A plataforma ainda adiciona informações sobre os apps que o usuário possui e quais ele efetivamente usa com frequência, além do histórico de navegação web e assuntos pelos quais ele se interessa e busca na rede.

No mundo cookies, a segmentação é muito baseada em hábitos de navegação, o que nem sempre é tão efetivo. “Um exemplo, na época de Olimpíadas, todo mundo estava lendo sobre esportes, mas nem todos são esportistas. Pela MDM conseguimos segmentar pessoas que frequentam parques e academias pelo menos três vezes na semana e utilizam com frequência APPs de saúde e bem-estar, o que torna mais assertiva a segmentação para uma marca de acessórios esportivos”, completa João.

Além disso, a MDM é um provider de dados para outras empresas, para que elas possam entender perfeitamente qual o perfil de seus clientes, como eles se comportam e também mapear resultados de ações online, entendendo por exemplo se um usuário impactado por uma campanha de um varejista se deslocou à loja após ser impactado pela mídia.