Favretto Painéis cria espaços sociais espalhados por Curitiba

Valorizar os espaços e presentear a comunidade local com ambientes urbanos mais agradáveis, funcionais e seguros. Este tem sido o mote de uma iniciativa pioneira da Favretto Painéis: revitalizar, a partir de recursos próprios e com farto uso de material reaproveitado, terrenos onde se localizam alguns de seus painéis comerciais, tornando-os espaços de acesso público. A inciativa é exemplo de ação que beneficia a população local ao oferecer um ponto de lazer integrado à comunidade enquanto, de quebra, torna o espaço comercial ainda mais atrativo.

O diretor de expansão da Favretto Painéis, Fernando Costa, conta como o projeto começou: “a ideia surgiu há aproximadamente 11 anos, depois que nossa diretora comercial, Janete Favretto, concluiu um curso de paisagismo. A princípio ela achou que seria interessante usar seus conhecimentos recém adquiridos para embelezar alguns painéis da empresa na esquina da Rua Castro Alves com a Av. Iguaçu, em Curitiba. A ideia fez tanto sucesso que nós a replicamos em outros locais ao longo da cidade desde então”, afirma Costa.

A iniciativa ganhou corpo e vem sendo aperfeiçoada ao longo do tempo. Hoje, a Favretto Painéis tem sete espaços do tipo espalhados por pontos estratégicos, a maioria deles em Curitiba. Cada um destes locais tem um planejamento exclusivo, que contempla alguma temática específica: “Queremos dar uma identidade local, histórica e cultural a cada um destes pontos. Temos, por exemplo, o Projeto Gaudi, onde nos inspiramos no trabalho do famoso artista e arquiteto espanhol para criar um espaço com mosaicos feitos a partir de azulejos em tons azuis típicos de seu trabalho. Buscamos interagir de forma harmônica com todo o entorno do local e com a comunidade”, conta Fernando Costa.

Os espaços revitalizados são particulares, alugados pela Favretto, e escolhidos estrategicamente para permitirem a interação e acesso do público. Nos projetos mais recentes, os locais oferecem energia elétrica, pontos de descanso e convívio social. Além disso, grande parte do material utilizado para a reforma e construção destes pontos vem de material reciclado da própria empresa, uma iniciativa ambientalmente responsável que é uma das marcas da Companhia.

Além de tornar os espaços comerciais mais valorizados em função do aumento de fluxo de pessoas no entorno dos painéis, Costa afirma que a iniciativa faz sucesso entre moradores das regiões contempladas e até entre vistantes: “É comum recebermos elogios e sugestões. Certa vez rebemos um relato emocionado de uma senhora que dizia que as flores de maracujá plantadas em um dos projetos a fez lembrar de sua infância quando morava no interior. Em outro relato, uma turista que estava a passeio por Curitiba nos contatou para parabenizar pelo zelo em nossos projetos, já que havia passado por alguns deles e se impressionado. Isso é muito gratificante”, finaliza.