domingo, julho 14, 2024
Programa Grandes Nomes da Propaganda no canal Markket
InícioProdutoraDiALAB Festival abre inscrições gratuitas para produtores negros

DiALAB Festival abre inscrições gratuitas para produtores negros

Em comemoração ao Dia do Cinema Brasileiro (19/06), a plataforma internacional DiALAB, uma das principais aceleradoras de projetos audiovisuais do Brasil, abre inscrições para os laboratórios de projetos do DiALAB Festival, evento que reúne talentos negros, profissonais da indústria e amantes do audiovisual de diversas partes do mundo, e acontece de 06 a 14 de dezembro, em Salvador. As inscrições podem ser feitas a partir do dia 19/06 no site da plataforma: www.dialab.me.

Os programas de desenvolvimento de projetos do DiALAB Festival são direcionados para roteiristas e produtores negros do mundo todo que já tenham realizado longa ou curtas metragens e queiram aprimorar seus projetos e filmes, além de fazerem conexões com a indústria. O evento será realizado no Centro de Convenções do Wish Hotel da Bahia para participantes e convidados de diversos países, que poderão vivenciar uma experiência imersiva inesquecível ao longo de 9 dias.

Criada em 2018 por Emerson Dindo e Leandro Santos, profissionais com vasta experiência no mercado audiovisual nacional e internacional, a plataforma nasceu para fomentar e proporcionar aos profissionais do audiovisual condições de disputar espaço na indústria, de modo a levar narrativas bem desenvolvidas para as telas, com apuro estético e crítico, potencial de mercado e conectadas com o grande público. 

Nesta edição, além dos tradicionais programas de desenvolvimento de projetos: DiALAB Docs, DiALAB Fics e DiALAB Séries, a plataforma inaugura o DiALAB WIP, seu programa para filmes em estágio de montagem e finalização. Outra novidade é o lançamento no Brasil do Brave Futures, uma competição de curtas-metragens feitos em até 48h, parceria inédita entre a DiALAB e a Open Television, uma premiada plataforma sem fins lucrativos liderada por Elijah McKinnon e com sede nos Estados Unidos. A programação trará ainda novas trilhas temáticas, ampliação das atividades de mercado e atração de profissionais da indústria internacional, novos patrocinadores e parceiros institucionais, conferências, mostra de filmes, mostra de músicas, pitch, consultorias jurídicas e cursos de formação.

Os programas Fics e Docs vão oferecer bolsas exclusivas do Programa Ibermedia que contemplam os custos com passagem aérea, hospedagem e alimentação para auxiliar até 12 pessoas no desenvolvimento dos seus projetos. Os respectivos regulamentos com todos os detalhes estão disponíveis no site do festival (www.dialab.me). Para os projetos selecionados, haverá ainda uma residência Pop-up no Film Residence, em abril na Suécia.

“A DiALAB tem feito um trabalho intenso de articulação com os mais variados estados do Brasil e países da América Latina, Europa e África e, com isso, se tornado referência em aceleração de projetos audiovisuais e atraído participantes de diversas partes do mundo para os programas da plataforma. Estamos felizes em proporcionar um espaço criativo de excelência para que profissionais negros de todo o mundo tenham acesso às ferramentas necessárias para impulsionar suas carreiras, projetos e negócios dentro da indústria.”, celebram Emerson Dindo e Leandro Santos.

O DiALAB Festival é mantido e desenvolvido pela Portátil, produtora de conteúdo para cinema e televisão sediada em Salvador, que tem projetos premiados pelo Sundance Institute e William Greaves, e com filmes gravados na Nigéria e em Moçambique, além de contar com um time de consultoria formado por profissionais internacionais com vasta experiência na indústria audiovisual. Neste ano, o festival tem apoio financeiro do Governo do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura via Lei Paulo Gustavo, direcionada pelo Ministério da Cultura, Governo Federal, do Programa Ibermedia, e apoio do Projeto Paradiso e da Escola Chavón, da República Dominicana.

Artigos relacionados

Novidades