L’Oréal Paris estimula leitura sobre o assédio nas ruas

“Quanto mais você sabe, mais fácil é combater o assédio”. Foi com esse mote que a L’Oréal Paris patrocinou no Brasil, durante três meses, a leitura de matérias que continham o assédio como tema central. Criada pela WMcCann, a ação Paywall Down liberou os acessos para leitores nos principais títulos da Editora Globo e da Globo Condé Nast – jornal O GLOBO e revistas Marie Claire, Glamour, GQ e Vogue. Os resultados foram exponenciais: um aumento de 2.611% no pageviews em matérias sobre o tema, sendo 300% apenas na revista GQ, majoritariamente voltada para o público masculino.

Segundo uma pesquisa divulgada pela Universidade de Oxford, em 2021, trinta e quatro milhões de brasileiros não têm acesso ao jornalismo local. Além disso, o estudo The Truth About a Well World, realizado pelo McCann Worldgroup, mapeou que 90% dos brasileiros já se depararam com desinformação nas redes sociais. Com o objetivo de oferecer acesso à informação aos leitores de uma forma geral e instruir as pessoas sobre o tema, que é considerado o problema nº 1 enfrentado por mulheres e meninas em todo mundo segundo dados da Ipsos, a ação aumentou em 122 milhões os novos acessos aos sites e somou mais de 25 milhões de impressões no total.

“Estamos realizados com os resultados. Não pelos números, mas pelo que isso representa: são milhares de pessoas tendo acesso a um assunto de extrema importância para mulheres e meninas em todo o país e que contribui para que todos entendam a realidade e tomem uma atitude diante de uma situação como essa. A L’Oréal Paris entende a necessidade de fazer a informação circular para auxiliar no combate ao assédio em espaços públicos, que nem sempre é fácil de ser identificado. Enquanto uma marca feminina, líder mundial, precisamos educar e informar, esse também é o nosso papel”, conta Tiago Raposo, Gerente de Produtos de L’Oréal Paris.

A iniciativa faz parte do movimento global de conscientização “StandUp: contra o assédio nas ruas”, que realiza um treinamento antiassédio desenvolvido em parceria com a ONG americana Hollaback, reconhecida por projetos e pesquisas ligados à temática.

“A campanha de StandUp foi toda desenvolvida com o objetivo de interromper uma dinâmica que vivemos extremamente prejudicial, que é o de não intervirmos em situações de assédio. A ideia do Paywall Down nasceu justamente nessa toada: propor uma tomada de consciência da sociedade, ajudando na disseminação de informações, notícias e matérias que contribuam para um movimento transformador e uma sociedade mais empática”, comenta Luiza Portella, Diretora de Planejamento Estratégico da WMcCann.

Lançado em outubro de 2021 no Brasil, o programa oferece um treinamento gratuito com método baseado em 5 Ds – distrair, delegar, documentar, direcionar e dialogar, e já soma mais de 706 mil pessoas que concluíram o treinamento em todo o mundo. O objetivo é o de auxiliar homens e mulheres, testemunhas ou vítimas, a intervir com segurança diante de situações de assédio. Acesse aqui: https://www.standup-international.com/br/pt/