IAB Brasil reelege sua atual diretoria para a gestão de 2019

O IAB Brasil (Interactive Advertising Bureau), entidade que reúne mais de 250 empresas do setor digital brasileiro, reelegeu sua atual diretoria para a gestão de 2019. O pleito foi realizado na quarta-feira (31), e conferiu à chapa liderada pela atual presidente Ana Moisés mais um ano de mandato. A reeleição mostra o reconhecimento da relevância do trabalho realizado pela atual gestão e apoia sua continuidade. Diretora de área de Soluções de Marketing do LinkedIn para a América Latina, Ana possui mais de 18 anos de experiência no mercado de internet e mídia, tendo atuado em big players do setor de tecnologia, como Yahoo! e Microsoft.

Com a reeleição, o cargo de VP de Agências continuará a ser de Paula Puppi, CEO da Blinks. Raffael Mastrocola, CEO Latin America da OLIVER Agency, segue como VP Financeiro, e Fabrício Proti, Managing Director da Teads, como VP de Veículos. O novo mandato da chapa tem início em 1º de janeiro do próximo ano.

O conselho consultivo da entidade será presidido uma vez mais por Cristiano Nobrega, CEO da Tail e ex-presidente do IAB Brasil, na gestão de 2017. O conselho será composto por Marco Bebiano, Director of Agency Business no Google; Renato Domingues, líder de negócios no Facebook Brasil; André Vinicius, diretor executivo de Publicidade no UOL; Leandro Claro, Chief Marketing Officer na Youse/Caixa Seguradora; Patrícia Amaro, responsável pela Estratégia de eCommerce e Digital da Unilever para America Latina; Pedro Ramos, sócio do Baptista Luz Advogados, e Alexandre Grynberg, diretor de Soluções Integradas no Grupo Globo – Mídia e Conteúdo.

Para a presidente reeleita do IAB Brasil, Ana Moisés, um dos marcos do mercado e publicidade digital em 2018 foi a adoção de regulamentações voltadas à proteção dos dados dos usuários, como a implementação da legislação europeia General Data Protection Regulation (GDPR) e a aprovação da Lei 13.709/2018, conhecida como Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGDP) em agosto deste ano, na qual o IAB atuou diretamente através do comitê de Assuntos Jurídicos.

“Ambos os temas permanecerão na pauta do setor em 2019, e o IAB Brasil continuará sua missão de esclarecer aos associados sobre a necessidade de adequação a essas normas, em um mercado que já representa um terço do total investido em publicidade no País”, discorre Ana Moisés.

“Além dessa atuação, o IAB terá como missão para o próximo ano envolver cada vez mais os anunciantes na discussão da publicidade digital, aproximando-se e atuando mais perto de outras associações e entidades”, conclui.