Clube de Criação divulga carta ao mercado sobre sua tradicional premiação

O Clube de Criação divulgou, nesta segunda-feira (30), uma carta aberta ao mercado explicando o não cancelamento do seu tradicional prêmio este ano, devido a pandemia do novo coronavírus. Confira a carta na íntegra:
“Carta ao mercado: Por que diabos o Clube de Criação não cancelou seu Prêmio neste ano de Pandemia?

 

Existe uma explicação complexa e uma explicação mais simples, para este fato. 

 

E vamos falar aqui, de forma transparente, sobre cada uma delas.

 

Podemos começar pela mais simples, que nada mais é do que uma questão de sobrevivência.

 

Se o CCSP não fizer o julgamento, este ano, a conta não fecha. O que vão fechar são as nossas portas.

 

Como todos sabem, o Clube de Criação de São Paulo é uma ONG, uma entidade sem fins lucrativos. A nossa existência vem da arrecadação do Prêmio Anuário e de alguns espaços publicitários comercializados no Clubeonline. 

 

É com essa renda que pagamos as nossas despesas operacionais. Não sobra nada. Acredite.

 

Lembrando que diretores e a presidente trabalham de graça, assim como os profissionais que se dispõem a ajudar nas iniciativas novas, como o Clube Portfólio, o Clube+Vozes, o Clube Conversa, o Clube Tech Class e o Clube Insights (os dois últimos, terão início em julho/agosto), além das parcerias com SPCine e Miami Ad School. 

 

Mas e o Festival? O Festival se paga. Tudo que é investido ali, fica ali, para que a gente continue tendo um dos Festivais de Propaganda mais respeitados e sérios do mercado. E este ano, por motivos óbvios, ele está comprometido e só deverá acontecer ano que vem. 

 

Ficamos devendo a explicação mais complexa, que foi citada no início deste texto e que é fundamental para a indústria criativa.

 

Então aí vai.

 

A pandemia chegou para questionarmos muitos valores e costumes, mas sabemos da importância que a Criatividade tem para o nosso negócio. Isso, nos parece, entra na Categoria Inquestionável. E se neste momento que o mundo atravessa mais isso nos for tirado realmente não sobrará nada.

 

O registro anual do melhor que a Criatividade publicitária produziu neste país é feito, há 45 anos, pelo CCSP. E a celebração e o apoio à Criatividade são necessários. 

 

Ela valoriza profissionais.

 

Ela revela novos talentos.

 

Ela catapulta marcas e clientes.

 

Ela entra na cultura popular.

 

Ela fomenta a indústria criativa.

 

Ela gera VALOR ao que fazemos.

 

Ela provoca o mercado a ser melhor.

 

Ela registra os trabalhos mais memoráveis do ano.

 

Ela celebra a coragem de marcas que investem em criatividade.

 

Sabemos também que ocorreram muitas demissões durante essa pandemia. 

 

Sabemos que despesas das agências estão sendo cortadas na carne. 

 

Ou pior: no osso.

 

E que os prêmios estão entre elas.

 

Sabemos disso tudo.

 

Por isso, lembramos aqui também que o atual modelo de inscrições do Clube* garante até 10 (dez) trabalhos de graça, para todos os anunciantes, agências e produtoras do Brasil, e 40 (quarenta) trabalhos de graça para as agências que são parceiras (Sócios Estrela). 

 

Por conta deste sistema, apenas as peças premiadas são pagas: aquelas que vão para o Anuário on-line ou físico. 

 

E, este ano, prorrogaremos o pagamento para janeiro de 2021, em três vezes, com os mesmos valores cobrados há dois anos.

 

Este será um ano muito importante, com o júri do Anuário formado 50/50 por mulheres e homens, e com diversidade racial. 

 

Fazer um Clube mais aberto, mais democrático, inclusivo e plural tem sido um desafio diário, e que tem contado com o apoio de muita gente. Profissionais, agências, produtoras, consultorias, clientes e empresas da nova economia têm nos ajudado a manter uma editoria independente e justa, sob a batuta firme da jornalista Laís Prado. E a todos estes, nosso muito obrigada.

 

Este texto, enfim, tem como missão esclarecer o pensamento do lado de cá. Mas também serve como apelo para o lado de lá: para vocês que acreditam no valor da Indústria Criativa, que está se Reinventando para seguir gerando Empregos, cada vez mais valorizados por todos.

 

Obrigada

 

Diretoria Clube de Criação
Junho de 2020″