Santander anuncia o nome ao Tour Brasil Ride até 2022

O Santander e a Brasil Ride estão ainda mais conectados na retomada do calendário esportivo de ciclismo no País. Após o anúncio, no início deste ano, do patrocínio do Banco à maior prova de mountain bike premium do mundo, as competições do circuito passam a ter concessão de naming rights, tornando-se Santander Brasil Ride até, pelo menos, o final da temporada 2022.

Os naming rights da Santander Brasil Ride ganham ainda mais importância por todo o envolvimento do Banco com a prática esportiva, atividades físicas, qualidade de vida e empreendedorismo. Em 2021, o Santander já anunciou uma série de ações conectadas ao ciclismo e a participação junto a Brasil Ride é mais uma delas.

“Estamos cada vez mais próximos do universo do ciclismo, apoiando amadores e profissionais neste esporte que é cada vez mais praticado no País, em pequenas e grandes cidades. Nossas ações incluem patrocínio de ciclovias, construção de bicicletários e de pontos de descanso, disponibilização de seguro e financiamento para equipamentos, além do patrocínio ao atleta de mountain bike Henrique Avancini. A parceria com a Brasil Ride, circuito reconhecido internacionalmente, reforça ainda mais a nossa conexão com a modalidade”, diz Patricia Audi, vice-presidente executiva de Comunicação, Marketing, Relações Institucionais e Sustentabilidade do Santander Brasil.

Em 2021, serão sete as provas que passam a contar com os naming rights do Santander: Festival Brasil Ride e Road Brasil Ride, em setembro, Brasil Ride Bahia e Maratona dos Descobrimentos, em novembro, e Diverge Gravel Race, Brasil Ride Espinhaço e Maratona do Cipó, as três realizadas no mês de dezembro.

“Estamos muito felizes em fazer mais este anúncio, que só comprova o quanto o ciclismo no País está em crescimento, bem como o nosso Tour Brasil Ride. O mercado tem olhado de uma forma diferente para a bicicleta, pois sabe que é uma solução única de mobilidade e sustentabilidade no momento que vivemos. Não escondo o imenso orgulho que para nós é ter um dos maiores bancos do mundo, que já foi reconhecido mundialmente como o mais sustentável pelo Índice Dow Jones, como nosso parceiro”, comemorou Mario Roma, fundador da Brasil Ride.