Panasonic promove ação social sobre reúso da água com crianças da Unibes

Com o objetivo de utilizar a arte como meio para conscientizar e promover mudança de hábitos, a Panasonic convidou o artista Tec Fase para promover um dia de muito diálogo e atividades artísticas com crianças, na Unibes, em São Paulo. Os desenhos feitos por 64 crianças vão inspirar a arte que será exposta no muro da ONG e todo esse processo será feito com água reutilizada de uma lavadora Panasonic. Toda a ação, criada pela NBS, dará origem a um videocase, que tem o objetivo de levar a mensagem de conscientização a um número maior de pessoas.

A historiadora Laura Rago iniciou uma dinâmica junto às crianças com uma conversa para despertar nos pequenos a importância da água para atividades básicas do dia a dia, mostrando que é impossível viver de maneira saudável sem ter acesso à água potável. “A arte é um vetor para transformação social. Acredito que esse breve diálogo é uma semente para a construção de novos hábitos, como não tomar banhos longos ou deixar a torneira aberta ao escovar os dentes. Incentivamos nos pequenos os primeiros passos de conscientização para que as crianças deem atenção ao assunto”, compartilha.

O artista Tec Fase ao longo de dez anos interage com crianças em iniciativas artísticas com fins educativos, mas foi a primeira vez que a proposta envolvia o tema “reúso da água”. “Foi um desafio interessante! Sabemos que a arte é uma maneira de valorizar e engajar as crianças e suas famílias. Levar a atividade da oficina sobre a água para o muro da escola é dar visibilidade ao trabalho das crianças e ajudá-las a criar um vínculo com a arte e com o tema água”, explica.

“Queríamos que a Panasonic fosse mais uma voz no Dia Mundial da Água, promovendo o uso responsável desse recurso cada vez mais precioso. E para uma mensagem conscientizadora, falar com crianças – que são o nosso futuro – através da arte nos pareceu o caminho perfeito”, conta Victor Sant’Anna, diretor de criação da NBS.

De acordo com o relatório da ONU, 90% da água disponível na superfície do planeta é salgada. E somente 5% da água doce é própria para consumo. Ou seja, essa pequena cota é utilizada em residências e para suportar todas as atividades da indústria, dos agronegócios, entre outras atividades.

Como parte das atividades junto às crianças, a ação serviu para ensinar sobre como a água de casa pode ser também reutilizada. Por exemplo, a água utilizada no tanque ou na lavadora de roupas pode servir para lavar banheiros, quintais, garagens e calçadas. Se um equipamento for utilizado para lavar roupas três vezes por semana, fazendo reúso da água, a economia anual da residência pode ser de mais de 40 mil litros, o que equivale a 80 caixas d’água de 500 litros.

Renata Assis, gerente geral de marketing da Panasonic, reforça que a companhia tem o compromisso mundial de desenvolver produtos que ajudem na qualidade de vida das pessoas e gerem menor impacto no meio ambiente. “Nessa iniciativa, nosso objetivo foi ir além do fornecimento do produto e provocar um impacto social positivo por meio de um conhecimento que pode determinar uma atitude diferente por parte dessas crianças e de suas famílias”, afirma.

Renata complementa que a entidade Unibes também será presenteada com lavadoras Panasonic, que têm baixo consumo de água, além de oferecer a função de reúso. Vale ressaltar que a ONG atende a mais de 15 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social. Só a unidade que recebeu a ação da Panasonic, na Luz, em São Paulo, oferece atividades socioculturais, profissionalizantes e educativas para mais de 1.200 crianças.

Assista ao filme da ação:

Ficha Técnica:

Título: Ação de Reúso
Agência: NBS
Anunciante: Panasonic
Produto: Linha Branca
VP de Criação: André Lima
Diretor Nacional de Criação: Carlos André Eyer
Diretor de Criação: Carlos André Eyer, André Havt e Victor Sant ́Anna
Criação: Daniel Scheiner, Danilo Maia
Projetos especiais: Teca Vilaça, Mariana Constantino, Wender Assis
ONG: Unibes – União Brasileiro-Israelita do bem-estar social
Artista plástico: TEC
VP de Planejamento: Murilo Lico
Planejamento: Bernardo Kirschner, Marília Gallindo, Werleson Jr.
Mídia: Patrícia Gogliara, Renan Valença, Davi Lyrio
RTVC: Juliana D’Antino, JP Muniz
Produtora filme: El Amarillo/ Gabriel Tye
Montagem: Gabriel Tye
Finalização: El Amarillo/ Gabriel Tye
Produtora de som: El Amarillo/ Gabriel Tye
Produção gráfica: Wender Assis, Renato Carvalho
Gerencia de projetos: Luís Carvalho, Adriana Silva
Atendimento: Paula Macedo, Bruna Darakdjian, Daniel Albuquerque
Comunicação: Camilo Coelho, Carolina Barankiewicz, Thais Christ e Máquina Cohn&Wolfe
Aprovação pelo cliente: Renata Assis, Alyne Golcman