Natura debate inovação e sustentabilidade no festival SXSW

A Natura, empresa brasileira que atua no setor de produtos de beleza, participará pela primeira vez, do maior festival de economia criativa do mundo, o South by Southwest (SXSW). A empresa brasileira de cosméticos, parte do grupo Natura &Co, que conta também com as marcas Aesop e The Body Shop, promoverá o painel Beauty as a Force for Change, no dia 12 de março, às 17h, no Westin Austin Downtown. Com o objetivo de levar a criatividade brasileira para fora do país, a Natura irá falar de soluções que mobilizam pessoas e redes a gerar transformações positivas para o mundo.

O painel faz parte do movimento “Brazil Inspires the Future”, idealizado pela agência Lynx, que tem como objetivo compartilhar com o mundo como os negócios e empreendedores brasileiros estão lidando de forma inovadora com os grandes desafios globais da nossa sociedade, levando empresas brasileiras para o SXSW. Realizado anualmente em Austin, no Texas (EUA), o evento, que ocorre entre 9 e 18 de março, nasceu há mais de 30 anos como festival de apresentação de novas bandas de música e hoje é tido como maior palco de economia criativa do mundo.

“Desde a sua origem, o SXSW procura questionar e avançar fronteiras do pensamento, sempre com ênfase na tecnologia e, mais recentemente, em como ela pode trazer mais impacto social”, afirma Andrea Alvares, vice-presidente de marketing, inovação e sustentabilidade. “A Natura acredita no potencial transformador da beleza, com uso da tecnologia e da inovação em rede no desenvolvimento de soluções que promovam transformação ambiental e social, como é caso de Ekos Ucuuba, que contribui para conservar a floresta em pé. Queremos inspirar mais pessoas a transformar desafios em oportunidades de negócios, com impacto positivo em quatro dimensões: econômica, social, ambiental e cultural”, complementa.

A ucuuba é fruto de uma árvore, presente em áreas alagadas da região amazônica, fonte de uma manteiga levíssima, mas com alto poder reparador, uma inovação no mercado cosmético. A coleta das sementes possibilita o manejo sustentável da espécie e a perpetuação da floresta em pé. A cada ano, a renda que uma comunidade obtém com uma árvore preservada é três vezes maior do que aquela obtida com a exploração madeireira.

Além disso, mais de 85% das formulas da Natura hoje têm origem vegetal, o que contribui para a conservação de 257 mil hectares de floresta em pé. A decisão da empresa de vegetalizar as fórmulas de seus sabonetes levou ao projeto SAF Dendê, com desenvolvimento de tecnologia pioneira no mundo para cultivo do óleo de palma em um modelo agroflorestal, modo de produção que incentiva o equilíbrio da agricultura com a natureza, privilegiando a manutenção de árvores e da biodiversidade em geral, em substituição à monocultura. Essas inovações são levadas ao mundo por uma rede que envolve mais de 1,8 milhão de Consultoras de Beleza Natura, gerando renda e prosperidade para milhares de mulheres.

Uma delas também participará do painel Beauty as a Force for Change, levando sua história inspiradora para Austin: Maria Ivoneide do Vale, Consultora de Beleza Natura há 30 anos e fundadora do Instituto Tupinambá, primeiro banco comunitário da Amazônia.

Também participa do debate promovido pela Natura Kim Coupounas, diretora do B Lab, organização que certifica as empresas socialmente responsáveis com o selo B Corp, obtido pela Natura em 2014. A mediação será feita pela jornalista Khalea Underwood, do Refinery29.

Além da discussão sobre inovação em sustentabilidade, a Natura terá presença no debate Experience Design, the New Marketing Era, no dia 9, às 17h, no hotel Courtyard Marriott Rio Grande Ballroom. A gerente de marketing institucional da Natura, Fernanda Paiva, falará como a plataforma Natura Musical inspira e mobiliza o público, proporcionando experiências de marca através da música. O diretor global de eventos da Louis Vuitton, Campbell Wynne Bromberg, o diretor de propaganda e marketing da HBO, Steven Cardwell e a sócia fundadora do StoryMakers, Tatiana Wlasek, completam o painel promovido pela Holding Clube sobre experiências únicas, emocionais e interativas que criam conexões mais fortes entre as marcas e seu público alvo.