Ministério da Saúde faz campanha para alertar os jovens sobre a prevenção às IST

Segundo a OMS, todos os dias acontecem, aproximadamente, 1 milhão de novos casos de Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) no mundo, e o Brasil acompanha a gravidade deste cenário epidemiológico.

Embora o uso do preservativo seja uma prática recomendada pelo Ministério da Saúde há mais de 30 anos, se faz necessário (re)afirmar de modo forte e permanente a importância de se prevenir das IST usando o preservativo.

Com o objetivo de provocar uma mudança de comportamento nos grupos jovens de 15 a 29 anos, homens e mulheres, na temática da prevenção às IST, como a sífilis, gonorreia, HPV, HIV e hepatites, dinamizando a ampliação do acesso às informações e enfatizando que o uso da camisinha é a forma mais simples e eficaz de prevenção dessas infecções que podem ter consequências graves, o Ministério da Saúde lançou a nova campanha de estímulo ao uso do preservativo durante o ano todo para não só evitar a exposição individual às infecções, mas também para quebrar a cadeia de transmissão.

Para conversar com os jovens, a estratégia da campanha criada esse ano pela agência Fields360 foi utilizar um tom empoderador inspirada na linguagem da poesia Slam: movimento emergente entre os jovens que utiliza a batalha de poesias associadas à conscientização, para gerar debates sobre diversos temas.

Com linguagem simples, forte e poética, a campanha tem como conceito “Usar camisinha é uma responsa de todos”, visando provocar a reflexão para que as pessoas “puxem” a responsabilidade de ter o preservativo sempre consigo e não dependam do outro para proteger a própria saúde.

No filme e em outras peças estratégicas, alguns sintomas das IST são mostrados com o objetivo de impactar o público e mostrar que a importância da camisinha vai muito além de evitar uma gravidez não planejada.

Além das mídias on-line e off-line, ações de impacto e conscientização foram criadas inspiradas também na temática da poesia slam, para se aproximar e gerar identificação do público jovem.