quinta-feira, julho 25, 2024
Programa Grandes Nomes da Propaganda no canal Markket
InícioAnunciantesHabib’s anuncia MC's como embaixadores da marca

Habib’s anuncia MC’s como embaixadores da marca

Poderia ser mais um dia comum, em meio ao entra e sai de pessoas, no escritório central do Grupo Habib’s. Mas ao invés de reuniões de times, conversas on-line e notificações de pedidos pelo aplicativo, os sons ecoados pela empresa foram de um grupo de jovens com histórias e batidas as quais não passam despercebidas por ninguém.

“Sempre que eu penso no Habib’s, o que me vem à mente é a frase: vamo de novo. Porque Habib’s mexe com a nossa saudade e acende a nostalgia que vive dentro do povo”. Esta rima é do Guri. MC conhecido pelo seu freestyle e por ter conquistado 11 títulos em batalhas de rimas em São Paulo, em apenas um ano. Expoente na cena hip hop, ele agora é um dos cinco embaixadores da maior rede de fast food genuinamente brasileira.

Ele se junta aos MC’s Grafiteh, Jotapê, Maria e Neo BXD. Cada um com sua sensibilidade, inteligência e flow. Características que expressam o talento deles e manifestam a força das ruas, da sociedade e do movimento hip hop que, agora, também representam uma das marcas que mais se conecta com os brasileiros.

“Habib’s é movimento. É uma marca inquieta, ágil, extensiva e que vive a cultura urbana. Essa expressão cultural reflete o nosso propósito em democratizar o acesso a refeições de qualidade, alinhado a uma comunicação uníssona, transparente e que traduz a realidade dos brasileiros. O Habib’s é a marca que está ao lado das pessoas em todos os momentos; seja no começo ou no fim do mês. É quem apoia sonhos, incentiva batalhas e aproxima todo mundo ao redor de uma mesa, assim como a Maria, Jotapê, Guri, Neo e Grafiteh. Artistas que se movimentam e traduzem emoções em rimas, verdades em versos e vitórias em oportunidades”, comenta Roberto Gnypek, diretor de marketing do Grupo Habib’s.

Batalha de esfihas

Aos 20 anos, o rapper Jotapê acumula títulos na mesma velocidade que histórias com o Habib’s. “Eu não tinha dinheiro pra nada, tá ligado? Eu e meus amigos íamos de casa pras batalhas e das batalhas pro Habib’s. Agora, levo todo mundo lá. A gente tá feliz? Vai no Habib’s. A gente tá triste? Vai no Habib’s. A gente termina a batalha e vai fazer reunião onde? No Habib’s. Lá é onde eu comia 3 esfihas, com dinheiro contado, mas ficava 3 horas sonhando alto e criando histórias. E olha onde eu tô agora”, relembra o artista.

Inspiração para a cena feminina do rap, aos 19 anos, Maria não se esquece de quando comemorou no Habib’s pela primeira vez. “Comecei a rimar nos vagões do metrô. Quando ganhei a minha primeira nota de R$ 50 no boné, fiz mó comemoração. Naquele dia, fui a um shopping no Centro de São Paulo para comer esfiha no Habib’s. Foi recheio de carne e queijo com sabor de vitória”.
‏‎   ​
Já para o Grafiteh, a marca sempre foi sinônimo de “ali”, de “estar ali” para compartilhar vitórias e garantir a Bib’sfiha em qualquer ocasião. “Uma amiga sempre me chamava pra ir ali rapidinho. Acabava a batalha e já dizia: ‘vamo ali’. ‘Rapidinho onde?’, eu perguntava. ‘ALI’. E foi assim que o Habib’s passou a ser o nosso ali para todos os momentos. Nem precisava dizer muito. Era ali e boa”.

Artigos relacionados

Novidades