Diversidade e inclusão marcam campanha de fim de ano do Bradesco

“Em 2020, Brilhe do Seu Jeito.” É esse o mote da campanha de fim de ano do Bradesco, que deseja um Brasil e um mundo mais inclusivos, em que o respeito às diferenças seja uma constante.Criado pela Publicis e com produção da Zombie Studios, o curta-metragem dá continuidade à fábula do vagalume que emocionou os brasileiros há um ano e que saiu premiada de festivais como o Cannes Lions.

“Estamos evoluindo nossa narrativa junto ao público em torno de conceitos como diversidade e inclusão, pilares que sempre marcaram a atuação do banco”, comenta Márcio Parizotto, diretor de marketing do Bradesco. “O primeiro filme foi muito bem-recebido pelos brasileiros. Por isso, seguimos com a mesma temática e estética de animação, mas com uma nova história, também capaz de encantar e de estabelecer uma conexão imediata com as pessoas por abordar sentimentos presentes no dia a dia de todos nós.”

O novo filme é protagonizado por Luna, uma vagalume que não acende e sofre por ser diferente. Ao longo do filme, porém, ela recebe o apoio de Vitinho, um menino com síndrome de Down que a ajuda a se tornar uma heroína, salvando um grupo de vagalumes que haviam sido capturados. “Essa campanha aborda a questão da inclusão de um jeito muito especial, ao mostrar que tanto a Luna quanto o Vitinho enxergam coisas que as outras pessoas não conseguem ver e dessa forma brilham ainda mais”, comenta Domênico Massareto, CCO da Publicis.

O comercial é embalado pela música Hero, de Mariah Carey, interpretada pela cantora e compositora brasileira Ráae. Do briefing até a sua estreia, foram necessários seis meses de trabalho para dar vida ao filme. Para criar o personagem Vitinho com a máxima fidelidade, os times de criação e produção envolvidos na campanha contaram com o apoio de médicos especialistas do Centro de Estudos e Pesquisas Clínicas de São Paulo (CEPEC-SP) e de pais de crianças com Down. Característica físicas e emocionais, assim como reações, movimentos e expressões foram incansavelmente estudados para dar vida ao personagem. O cuidado em torno do filme também pode ser visto na reprodução das cenas e na construção dos demais personagens, tudo pensado para refletir a diversidade, a cultura, a arquitetura e a vegetação tipicamente brasileiras.

Outra curiosidade é que os personagens do primeiro filme também aparecem nesta história, como o próprio vagalume Lúcio, que no comercial lançado no fim de 2018 sai do interior para tentar brilhar na cidade grande. Em um exercício de metalinguagem, o comercial traz ainda referências ao próprio banco, com a presença sútil de uma agência do Bradesco e de diversos mascotes que ajudaram a construir a história da marca: o robô Link 237, o ratinho Chip, a abelha da Poupança Fácil Bradesco e o Max, coelho da Bradesco Capitalização.

A campanha conta também com peças de mídia exterior – com destaque para ambientação e tematização da estação da Sé e sequenciais na Avenida Paulista -, peças digitais e impressas.

Assista: