Campanha #surdoehquemfala quer melhorar inserção social do deficiente auditivo

A apresentadora Milena Machado (Auto Esporte – TV Globo) se uniu ao publicitário Alexandre Peralta (Agência Peralta) e a um grupo multidisciplinar para produzir e lançar a campanha #surdoehquemfala, de apoio aos deficientes auditivos.

O objetivo é incluir o deficiente auditivo melhorando o seu convívio social. A “deficiência invisível”, como muitos costumam chamá-la, marginaliza quase sete milhões de pessoas só no Brasil. A exclusão dessa parcela significativa da sociedade poderia ser amenizada com gestos como olhar nos olhos durante a conversa, o que facilita a comunicação com o surdo, por exemplo. A campanha faz um convite para pessoas se relacionarem de forma diferente com essas pessoas: “Toque nele gentilmente, fale claramente e repita se necessário”, diz a campanha.

Durante o mês de setembro, formadores de opinião (celebridades, personalidades e youtubers) irão publicar fotos, textos e vídeos sobre a importância da inserção social do deficiente auditivo na sociedade. Serão mais de 10 frases orientando ouvintes a se comunicar de forma leve, clara e simpática com os deficientes auditivos. A hashtag #surdoehquemfala estará presente em todas as postagens.

Também haverá a produção de anúncios, spots para rádio e filmes de tv. Entre eles, um estrelado pelo empresário e inventor, deficiente auditivo, Thierry Marcondes; outro com uma menina síndrome de down que pede atenção para a causa dos surdos; e um terceiro com deficientes auditivos empregados e desempregados.

No dia 26 de setembro, o dia nacional do deficiente auditivo, todos os internautas estão convidados a fazer vídeos com cinco segundos de silêncio em apoio a campanha. A ideia é que o silêncio fale alto:  “Estou/Estamos em silêncio para você escutar essa mensagem: #surdoehquemfala”.

Anúncio Peralta