Burger King lança Whopper livre de conservantes de origem artificial

O consumidor brasileiro – e do mundo – está cada vez mais atento quando a questão é a alimentação. Pesquisas apontam o Brasil como 4° colocado no ranking global de alimentação saudável e, olhando além, 22% da população brasileira opta por comprar alimentos naturais e sem conservantes*, independente do preço (Euromonitor). Orientado por uma visão estratégica e pioneira, o Burger King anuncia uma novidade com potencial de mudar para sempre o mercado de fast-food no Brasil: o Whopper, agora livre de conservantes de origem artificial na composição.

A jornada de adequação do sanduíche mais famoso do BK se deu a partir de 2 anos de intensas pesquisas. O processo para tornar essa iniciativa real inclui grandes transformações na cadeia produtiva, que impactam todos os fornecedores, logística e até o tempo de validade dos produtos – em um passo inédito no mercado de fast-food nacional. Atualmente, 70% do cardápio do BK já é livre de ingredientes de origem artificial. A expectativa é de que, até o final de 2021, 100% do portfólio seja feito somente a partir de fontes naturais.

A partir do lançamento, o Burger King provoca toda a indústria a repensar sua forma de ofertar os produtos desse mercado, afinal, para o BK, fast-food não é sinônimo de trash-food.

“A iniciativa de trazer um hambúrguer livre de conservantes de origem artificial para o Brasil mostra o pioneirismo do Burger King e a preocupação em promover uma transformação pertinente para toda sociedade. Como em todo processo de inovação nos deparamos com desafios de alta complexidade, mas se por um lado tomou tempo e esforço, por outro sabemos que o caminho estará aberto para que outras empresas se juntem a nós nessa mudança em prol de um bem maior”, explica Ariel Grunkraut, vice-presidente de Marketing e Vendas do Burger King no Brasil.

As empresas parceiras do Burger King, responsáveis pelos insumos que dão origem ao Whopper, também se empenharam para tornar a transformação possível: “Para a ARYZTA, concretizar o projeto de oferecer um pão formulado apenas com conservadores naturais, nos enche de orgulho ao entregar valor àquele que é o ator mais importante dos nossos negócios: o consumidor”, ressalta Renata Del Claro, Head de Marketing e Inovação da ARYZTA.

“Para nós da Heinz é motivo de muito orgulho estar ao lado do Burger King neste passo tão importante do fast-food brasileiro. O Ketchup Heinz contém apenas 6 ingredientes 100% naturais e só, e isso reforça nossa transparência e preocupação com qualidade e processos na receita que torna o Ketchup Heinz o nº 1 do mundo” afirma Fernando Rosa, VP Comercial da Kraft Heinz Company.

Ao longo dos últimos anos, o Burger King tem feito mudanças significativas no cardápio para atender a transformação nos hábitos de consumo e oferecer alimentos cada vez mais reais. Entre as iniciativas endereçadas pela marca, está o sanduíche Veggie e o Rebel Whopper, plant-based. No primeiro momento, o Whopper livre de conservantes de origem artificial, estará presente em parte das lojas da cidade de São Paulo, mas a expansão é real: a partir de 2021, o produto estará presente em todas as lojas da marca.

Para anunciar a chegada do Whopper livre de conservantes de origem artificial, o BK lança no Brasil a campanha “Moldy Whopper” ou “Whopper Mofado” que ganhou destaque nos Estados Unidos e no mundo ao retratar a imagem de um sanduíche que, com o avanço do tempo, entra em decomposição.

O filme foi idealizado pelas agências Ingo, DAVID Miami e Publicis e, hoje, se transforma em um grande ativo para disseminar o anúncio dessa novidade no Brasil. O objetivo é mostrar para os consumidores um alimento que é passível de deterioração natural, consequência da ação de microrganismos presentes em todos os alimentos reais e que não contam com conservantes de origem artificial em sua formulação. Além disso, a campanha passou por uma tropicalização, desenvolvida pela DAVID São Paulo, após pesquisa com consumidores brasileiros. Como destaque, foi utilizada a música “Tudo Passará” de Nelson Ned, recriada para ter a mesma sonoridade nostálgica da versão original.

“Essa campanha é, com certeza, um marco de ousadia na comunicação mundial. Algo que tem a cara e a honestidade características do BK. E para dar um gostinho ainda mais local ao trabalho, optamos por usar uma música brasileira como trilha sonora, com aquele toque de bom humor que faz parte do Burger King. Comida de verdade precisa de uma campanha com verdade”, diz Rafael Donato, VP de criação da DAVID SP.

O Burger King também lança hoje um manifesto, que será divulgado no universo digital e na mídia impressa, contando sobre a iniciativa de retirar conservantes de origem artificial de Whopper. O conteúdo endereça as principais mensagens dessa inovação, como um convite para que toda a indústria repense os produtos que leva ao consumidor. O conteúdo mostra toda a mudança que já vem sendo feita pela companhia para oferecer produtos cada vez mais naturais e ressalta números impressionantes: a retirada de 277 toneladas de conservantes de origem artificial do Brasil – o equivalente a quase 18 caminhões por ano.

*O produto pode conter traços de conservantes artificiais em níveis não detectáveis em razão de eventuais contaminações cruzadas em sua linha de produção. Produto disponível somente em determinados restaurantes da cidade de São Paulo – SP. Consulte os restaurantes participantes em www.burgerking.com.br.”