Bayer inaugura estúdio de gravação para influenciadores do agronegócio

Realizada em 2017, a pesquisa da Associação Brasileira de Marketing Rural e Agronegócios (ABMRA) sobre hábitos do agricultor aponta que 61% dos produtores rurais utilizam smartphone, o que representa um salto de 44 pontos percentuais em comparação à pesquisa de 2013, além de sinalizar que metade daqueles que possui acesso à internet costuma consultar portais de notícias e informações por meios digitais.

A partir deste comportamento, há uma indicação de que o produtor está cada vez mais ávido por comunicação, informação e tecnologia, à medida em que expande a forma de se conectar com o setor. Pensando nessa demanda, a Bayer inaugura o Rede AgroServices Space, um espaço criativo para cowork e estúdio de gravação para produção de conteúdo voltado ao agronegócio a fim de disseminar mensagens embasadas e com qualidade.

“Integrar novas tecnologias no agronegócio é uma das preocupações da Bayer, por isso apoiamos a digitalização do campo, inclusive no compartilhamento de informações. O Rede AgroServices Space, neste sentido, é uma iniciativa da Rede AgroServices, nossa plataforma colaborativa que conta com 125 mil produtores e comprova que este conceito de rede beneficia diversos públicos”, afirma Thiago Junqueira, gerente de Estratégia e Engajamento de Clientes.

O novo local, situado na sede da Bayer em São Paulo, pretende integrar diferentes stakeholders do agronegócio. O intuito é que o espaço seja compartilhado por influenciadores do campo, ou seja, pesquisadores, distribuidores, universitários, alguns clientes, além dos próprios executivos da empresa, que juntos contribuam e compartilhem ideias, como por exemplo, por meio da gravação de vídeos e postagens nas mídias sociais, para que estas informações de credibilidade cheguem ao meio rural.

O Rede AgroServices Space foi pensado para trabalhar três experiências: para o produtor, a possibilidade de acessar conteúdo relevante de forma diferente e dinâmica; para o influenciador, a oportunidade de facilitar a entrega das mensagens; e para a Bayer, a chance de estar ainda mais próxima do público, contribuindo com discussões que são relevantes para diferentes frentes de atuação do agronegócio.