Propeg integra rede WorldWide Partners de agências independentes

Vitor Barros, CEO da Propeg

Depois de anos assistindo ao intenso movimento de fechamentos e aquisições de agências pelas holdings, as agências independentes começaram a enxergar uma oportunidade em um novo momento do mercado.

A transição para uma entrega de projetos que possuem como base o relacionamento com os clientes tem sido uma luta árdua para essas grandes companhias, coisa que as agências independentes têm mais facilidade e competitividade.

Para se adequarem a orçamentos mais enxutos, os departamentos de marketing têm procurado por um formato capaz de combinar a escala de um grande grupo com a especialização, criatividade e qualidade de execução das independentes. Acompanhando essa tendência mundial, a Propeg acaba de anunciar a sua entrada na WorldWide Partners.

A WorldWide Partners Inc. (WPI) é uma rede de agências independentes de escala global. Lançada nos Estados Unidos em 1938, a WorldWide Partners possui, atualmente, cerca de 70 agências associadas espalhadas em 40 países, com mais de seis mil colaboradores. Ao longo dos anos, a rede se posicionou como uma alternativa para as holdings de comunicação mais tradicionais, como a WPP, Omnicom, Publicis etc. Em seu modelo, agências independentes se associam ao grupo, sem nenhum tipo de venda ou divisão de controle, e quem faz parte da rede WPI pode trocar informações e trabalhar em conjunto para as marcas em todo o mundo.

De acordo com Vitor Barros, CEO da Propeg, o que o mercado está vendo agora é que as agências independentes conseguem aproveitar sua liberdade de operação e priorizar os interesses dos seus clientes acima dos acionistas. “Agências independentes conseguem ter mais agilidade e flexibilidade sem sacrificar a entrega criativa e técnica. Além disso, ‘agências de dono’ sofrem menos pressão relacionada a números e resultados, o que muitas vezes acaba prejudicando o crescimento da agência e o atendimento ao cliente”, declara.

Pela força criativa e posição estratégica que o Brasil possui, a chegada da Propeg representa um grande ganho para a WPI. “Sempre foi muito importante para a Worldwide Partners contar com uma integrante brasileira. O ingresso da Propeg na rede significa ter uma agência com grande capilaridade do maior mercado da América Latina”, diz John Harris, CEO da rede.

Para firmar a parceria, John Harris estará em breve no Brasil para conhecer a sede da Propeg e conversar com os colaboradores sobre o trabalho da WPI no mundo e as expectativas com relação ao Brasil, que entra em um ano de economia promissora.