IAB Brasil reúne anunciantes para discutir combate à fraude na publicidade digital

IAB Brasil reúne anunciantes para discutir combate à fraude na publicidade digital

O Comitê de Combate à Fraude do IAB Brasil – Interactive Advertising Bureau, entidade que atua para estimular a evolução da publicidade digital no País, reuniu cerca de 30 grandes anunciantes para discutir as boas práticas no combate à fraude na publicidade online.

“Acredito que o Comitê de Combate à Fraude traz à tona um tema extremamente importante para os profissionais de publicidade. À medida que a tecnologia avança, abrem-se as portas para lobos em pele de cordeiro. A identificação de problemas como este é de suma importância para a otimização dos esforços dedicados ao meio digital, que deve ser tratado como prioridade por toda a indústria de marketing”, destaca Lucas Nicoliello, mídia da Renault do Brasil.

O destaque do encontro foi a apresentação realizada por Páris Piedade Neto, presidente do Comitê de Combate à Fraude e diretor de Plataformas Tecnológicas da Central Globo de Mídias Digitais, e Rafael Araújo, gerente de Produto na Tempest Security Intelligence. Eles falaram a respeito dos principais tipos de fraudes, destacando os mais danosos, que são classificados como SIVT (sigla em inglês de “tráfego inválido sofisticado”). Fazem parte deste grupo situações de difícil identificação, como ad stuffing, em que os anúncios são intencionalmente escondidos, empilhados ou encobertos, com a intenção de inflar suas visualizações; e o uso de bots que infectam computadores e tentam simular o comportamento humano, por meio de requisições de anúncios, sem o controle do usuário.

Para garantir uma compra mais segura, o Comitê de Combate à Fraude indica que sejam seguidas algumas condutas. A primeira é exigir transparência: o anunciante deve conhecer os sites em que estão sendo veiculados seus anúncios. Além disso, é preciso entender em que operações o budget está sendo investido, destaca Piedade, ao acrescentar também ser necessário analisar os resultados por meio da combinação de várias métricas.

Os principais tipos de fraudes digitais e detalhes de como se proteger delas estão disponíveis no “Guia de Boas Práticas no Combate à Fraude”, elaborado pelo IAB Brasil, disponível para download que pode ser baixado gratuito no link http://bit.ly/combate_fraude.

Uma versão resumida do guia também pode ser vista no vídeo:

 

Compartilhe...Tweet about this on TwitterShare on Facebook0Share on LinkedIn2Pin on Pinterest0Share on Google+0Email this to someone

SEM COMENTÁRIOS